Thais Teles
"Além da Ilusão" estreia na próxima segunda-feira (7)

Uma história de amor proibido, morte trágica e um reencontro emocionante. O público da Globo vai poder acompanhar isso e muito mais em "Além da Ilusão", novela escrita por Alessandra Poggi e dirigida por Luiz Henrique Rios, que estreia na próxima segunda-feira (7). O folhetim marca a estreia de Larissa Manoela na Globo, que chega na emissora interpretando irmãs .

Larissa Manoela vive Elisa na primeira fase e Isadora na segunda. Ela conta que foi desafiador interpretar irmãs, pois precisou se empenhar para diferenciá-las e dar uma personalidade diferente para cada uma. "Elas têm as suas personalidades, são meninas diferentes que gostam de colocar o seu pensamento para fora. Isso faz com que elas sejam interessantes. Para mim, foi muito especial poder interpretar elas", diz a atriz no lançamento da novela.

A primeira fase de "Além da Ilusão" se passa em 1934, na cidade Poços de Cladas, em Minas Gerais. Elisa (Larissa Manoela) é uma jovem filha do juiz Matias (Antonio Calloni) e de Violeta (Malu Galli). Ela está prestes a completar 18 anos e tem uma irmã mais nova, Isadora (Sofia Budke).

Pelas ruas da cidade mineira, Isadora conhece e se encanta pelo mágico Davi (Rafael Vitti). Ela tem a ideia de chamar o mágico para animar os convidados no baile de aniversário da irmã. Durante a festa, ele conhece Elisa e a atração entre os dois é imediata.

Porém, essa história de amor não será fácil para ninguém. Matias não aprova o relacionamento da filha com o mágico e fará de tudo para separar o casal. Ele prepara uma armação, mas em uma reviravolta trágica Elisa acaba morrendo e Davi é condenado a 20 anos de prisão por um crime que não conheceu.

Enquanto tudo isso acontecia, Violeta deixa a família em Minas Gerais e viaja a Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, onde o pai está a beira da morte. Após a morte de Afonso (Lima Duarte), ela entra em uma briga com a irmã Heloísa (Paloma Duarte), pois não quer vender o engenho da família. Porém, entra em um acordo com Eugênio (Marcello Novaes), com quem fecha uma sociedade para transformar as terras em uma fábrica de tecelagem.

"A Violeta condensa na história dela muitas conquistas, como a entrada da mulher no mercado de trabalho. Esse vai ser o embate principal entre a Violeta e o Eugênio, porque o Eugênio é um sujeito machista apesar de ter bom coração. Mas é interessante porque entra na história um tom de comédia romântica através da relação deles", detalha Malu Galli.

Leia Também

Leia Também

"A Violeta vai acabar ensinando muita coisa para o Eugênio, apesar de ele ter esse lado machista, ele acaba ouvindo a Violeta. Ele vai aprender muita coisa e ter uma mudança de comportamento, mas esses embates vão ser ótimos. O romance é demorado, mas vai acabar acontecendo. É muito complicado porque ela é casada e naquela época isso era um escândalo", completa Marcello Novaes.

Segunda fase

Rafa Vitti e Larissa Manoela em 'Além da Ilusão'
Reprodução/Globo
Rafa Vitti e Larissa Manoela em 'Além da Ilusão'

Dez anos se passam desde esses primeiros acontecimentos e uma nova fase começa em "Além da Ilusão". A trama acontece em 1944 em Campos dos Goytacazes, e Larissa Manoela interpreta Isadora. A menina cresceu e acabou ficando muito parecida fisicamente com a irmã, mas por conta dos trágicos acontecimentos do passado se esqueceu completamente dos rostos de Elisa e Davi.

Além de Isadora, Matias também vai ter sequelas por conta do trágico acidente que matou Elisa. "O Matias tem uma predileção evidente pela Elisa. A Isadora não é a filha preferida dele, isso fica claro. Com um agravante, ele começa a delirar na segunda fase da novela e ele chega a confundir a Isadora com a Elisa", conta Antonio Calloni.

Dora, como é conhecida, sonha com uma carreira de modista e está noiva de Joaquim (Danilo Mesquita). Ele é filho da ambiciosa Úrsula (Bárbara Paz), que deseja o casamento do filho para poder herdar os bens da família da futura nora.

"A Úrsula é uma mulher muito misteriosa no começo, ninguém sabe o passado dela. Ela é uma espécie de governanta da família e cuida do Eugênio como se ele fosse o marido dela. Ela trabalha na casa, mas quer ser da família. É uma mulher muito ambiciosa, apaixonada por esse homem, mas mais apaixonada ainda por dinheiro e por ter um nome. Vai passar em cima de muita gente para conseguir o que ela quer", diz Bárbara Paz sobre a personagem.

Enquanto isso, Davi seguia preso injustamente, mas consegue escapar da prisão e entra clandestinamente em um trem para escapar da polícia. O mágico assume a identidade de um passageira aparentemente morto para não ser preso, porém não sabia que o homem era o novo contratado da tecelagem. Na fábrica, ele se reencontra com Dora e se encanta imediatamente com ela por conta da semelhança com Elisa, mas fica frustrado ao saber que ela é noiva de Joaquim.

** Formando em Jornalismo pela Faculdade Caspér Líbero, Pedro Garcia tem passagem pelo Portal Estrelando e está no iG desde 2020. Atualmente colabora para o iG Gente, cobrindo televisão, novelas, entretenimento e celebridades. Já passou pelas editorias de Queer, Delas, Turismo e Canal do Pet.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários