Rodrigo Mussi
Reprodução/Instagram
Rodrigo Mussi


No segundo paredão do 'BBB 22', Rodrigo foi eliminado com 48,45% dos votos. Ele enfrentava a berlinda contra Jessilane Alves e a designer de unhas Natália Deodato. A professora teve 25,45% e a outra integrante do grupo 'pipoca', teve 26,1%.


No discurso de eliminação, Tadeu Schmidt falou sobre ver os sinais do programa. "É muito difícil enxergar as coisas aí dentro, é até covardia comparar. A gente aqui, tem dezenas de câmeras, vocês têm os olhos de vocês e alguns espelhos. Mesmo assim é impressionante como em alguns aspectos, vocês enxergam o contrário do que de fato está acontecendo. Mas talvez vocês só acreditam quando saírem. Eis que temos três amigos no paredão. Rodrigo, Natália e Jessi. Três pipocas, três vidas que se conectam, três histórias sobre vencer na adversidade, só vocês sabem o que passaram"

"O mundo inteiro empurrando contra e vocês conseguiram superar, aí vem o BBB e de novo, não foi fácil, não foi na primeira tentativa para nenhum dos três, a chance de ouro, a possibilidade de mudar de vida. Duas semanas depois, aí está você a um passo do fim"

"Esse jogo é tão difícil, que além de acertar na escolha dos atos, tem que acertar a dose. Se exagerar, as pessoas aqui fora podem não gostar, se for pouco demais, as pessoas também não gostam. Provavelmente você só vai entender quando já estiver aqui fora. Para quem fica, todos que ficam, adianto uma coisa: há sinais disponíveis. As pessoas próximas aí dentro dão sinais, eu mesmo dou sinais. Quem souber captar, vai entender tudo o que está acontecendo"

Leia Também

Leia Também

Passagem polêmica pelo 'BBB'

Rodrigo teve uma passagem intensa no reality . O gerente comercial se envolveu em polêmicas no começo do programa. Logo na primeira semana, o brother discutiu com Douglas Silva ao perguntar se é permitido um homem branco falar um termo pejorativo racista nos Estados Unidos e ao questionar se outros atos eram preconceituosos. 

Leia Também

Ele também se envolveu em polêmica ao usar o termo 'traveco' ao comentar uma história de Eliezer . Vyni disse que a palavra era ofensiva e o gerente foi até Linn para ter certeza que aquilo era errado. A conversa foi criticada por ativistas pelo direito trans, já que Rodrigo havia sido repreendido pela fala. 

No jogo, Rodrigo conquistou duas provas do anjo. Na primeira, ao lado de Douglas na 'super prova líder e anjo', o ator venceu a liderança na sorte e o gerente conquistou o anjo. Na segunda semana, ele fez mais pontos na prova, sozinho. Além disso, ele foi imunizado na semana de estreia e imunizou Eliezer nesta semana. 

Apesar de ser jogador, Rodrigo fez estratégias frustradas e não conseguiu colocar os participantes do 'camarote' nos paredões. O líder da semana, Tiago Abravanel, indicou ele diretamente para o paredão, sem direito a contragolpe . Ele rivalizou com Arthur Aguiar, mas o ator conseguiu escapar da berlinda votando em Jessilane. Eliezer indicou Douglas com o poder do anjo e pelo pedido de Rodrigo, mas o ator escapou na 'prova bate e volta'. 



** Luiza Lemos é jornalista, especializada na cobertura de entretenimento e celebridades. No iG desde 2020, escreve para o iG Gente, mas já passou pelas editorias de Delas, Queer, Receitas e Turismo. Da praia para a serra, é de Santos e formada na Universidade Metodista de São Paulo. Além de escrever, é sommelier de memes, adora televisão e não deixa uma boa fofoca deixar de ser comentada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários