A Band não desistiu de dar nova cara a sua programação e, depois da grande investida de 2018, continua estreando novas atrações. “Aqui na Band” entrou na grade da emissora na última segunda-feira (27) com apresentação de Silvia Poppovic e Luís Ernesto Lacombe.

luis lacombe e silvia poppovic posam com logo do programa aqui na band
Divulgação
"Aqui na Band" estreou na segunda-feira (27) com apresentação de Silvia Poppovic e Luís Ernesto Lacombe

No ar das 9:00 às 11:00, o programa bate de frente com o “Encontro com Fátima Bernardes” na Globo e o “Hoje em Dia” na Record . Enquanto isso, o SBT transmite o “Bom Dia & Cia”. Com duas pessoas mais do que qualificadas à frente, o “ Aqui na Band ” tem uma boa proposta, mas que não é nova.

Leia também: Band desfaz programação e não consegue cativar seu público

Música e pautas jornalísticas já são abordadas por  Globo e Record , e a Band acaba tentando competir com um público que já está formado. A ideia da Band não é ruim, já que o “Encontro” tem uma média abaixo de 10 pontos, e o “Hoje em Dia” é ainda pior, com média de cinco pontos.

Ainda assim, mais um programa sobre o mesmo assunto precisa convencer o público a mudar de canal e a Band não fez isso. Não houve grande divulgação – o que poderia render bem se Silvia Poppovic fosse disponibilizada para entrevistas - nem grandes chamadas na grade, ou na internet (onde a Band tem um público cativo de “Masterchef”).

Sendo assim, o programa estreou sem alarde, e sem audiência, não alcançado nem 1 ponto na segunda-feira (27). Ao longo da semana esse número baixou para 0,6 e chegou a perde para a TV Cultura . Nem a participação de Jojo Todynho, que teve um pequeno mal-estar com Poppovic, chamou atenção para a atração.

Antes do programa, a Band exibia desenhos animados no horário, que também iam mal, enquanto o “Bom Dia & Cia”, voltado para o mesmo público, tem média de 6 pontos. A própria Rede TV! percebeu que teria que apresentar algo diferente no horário, e colocou um programa culinário com Edu Guedes depois da Ana Maria Braga encerrar. Ainda assim, a atração culinária também não alcança um ponto fechado.

Leia também: Band defende decreto das armas e público lembra Boechat: "Se demitiria ao vivo"

A disputa por audiência é acirrada, e o que se vê é uma diminuição geral dos índices em todos os canais. Mas a soma de consistência e visibilidade oferecem mais oportunidade para as atrações, e a Band não teve nem um nem outro com o novo programa. Assim como houve antes com “SuperPoderosas” – que tinha uma proposta melhor e um público específico.

Para se comparar, a estreia de Cátia Fonseca na emissora foi praticamente uma festa. Quando o “Melhor da Tarde” foi ao ar em fevereiro de 2018, a emissora fez uma grande comoção. Cátia andou pelos corredores, conversou com apresentadores de outras atrações e “revelou” seu cenário. Embora não seja inovador, foi bem trabalhado no canal e segue no ar.

Leia também: Desafio! Como o “Jornal da Band” se manterá sem Boechat?

Os nichos matinais não são muitos, e a maioria deles já é explorado em outros canais. Para isso, o “ Aqui na Band ” terá que se esforçar mais e chamar atenção se quiser “roubar” a audiência das concorrentes.  

    Veja Também

      Mostrar mais