No "Jornal da Band" da última sexta-feira (10) mostrou o editorial do Grupo Bandeirantes a respeito das reações ao decreto das armas assinado pelo presidente Jair Bolsonaro. Na opinião da emissora, o público entende de maneira errada a decisão sobre o armamento.

Leia também: Mãe de Ricardo Boechat fala sobre ausência do filho: "Coração está apertado"

Nome de Boechat vira um dos assuntos mais comentados do Twitter após
Reprodução Instagram
Nome de Boechat vira um dos assuntos mais comentados do Twitter após "Jornal da Band"


Nas redes sociais, o editorial da Band  defendendo o decreto das armas irritou os internautas e fez com que o nome de Boechat , que era âncora do principal jornal da emissora antes de morrer em um acidente de helicóptero, se tornasse um dos assuntos mais comentados do Twitter.

Veja o editorial:

Você viu?


Alguns usuário citaram que o jornalista jamais aceitaria ler esse decreto durante o "Jornal da Band", outros citaram que ele pediria demissão do Grupo Bandeirantes por conta da opinião.

Leia também: Um mês após a morte de Ricardo Boechat, Band ainda tenta se reerguer


Ricardo Boechat  morreu em fevereiro desse ano após sofrer um acidente de helicóptero em São Paulo. O jornalista era âncora do "Jornal da Band " e considerado por muitos como um dos melhores jornalistas brasileiros.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários