Tamanho do texto

A cantora afirmou que as violências foram realizadas antes da lei Maria da Penha entrar em vigor e que sentia vergonha de revelar as agressões

Em entrevista ao " Programa do Porchat ", desta terça (14), na Record, Gretchen afirmou que sofreu violência doméstica em um de seus casamentos. Apesar de ter feito a revelação polêmica tantos anos após o ocorrido, a artista não revelou o nome do ex-marido agressor.

Leia também:Em novo vídeo Gretchen dá show de gordofobia e é expulsa do mercado

Caso de agressões será retratado em filme de Gretchen
Divulgação
Caso de agressões será retratado em filme de Gretchen

A cantora afirmou que as agressões aconteceram antes de 2006 – ano em que a lei Maria da Penha entrou em vigor. "Naquela época não tinha a Maria da Penha. Eu tinha vergonha, minha mãe chegava em casa e eu estava de braço roxo, testa roxa e dava respostas idiotas, dizia que bati no armário. Teve um momento que não suportei mais e consegui fugir. Quando ele voltou, se fosse atrás de mim cairia na imprensa. Corria o risco de eu contar e ficaria pior", explicou Gretchen .

Leia também: O que gostamos e o que queremos ver nos próximos episódios de "Os Gretchens"

Caso de agressões será retratado em filme de Gretchen

Gretchen
Reprodução/Twitter
Gretchen

Em breve “Gretchen – Além do rebolado” vai chegar as telonas dos cinemas brasileiros. Dirigido por Antônia Fontenelle, o longa que ainda não tem data de estreia vai abortar todos os detalhes da vida da artista, inclusive, o caso de violência doméstica.

"A gente vai falar de violência doméstica, da perda do meu bebê quando nasceu, traição, tudo. Vou contar toda a verdade, já avisei o povo. Ele não está mais aqui no Brasil, mas sabe", ressaltou.

Ela também afirmou que não tem medo de ser processada por ter revelado a verdade. "Processo de uma coisa que é verdade? Não tem que provar, é a minha palavra, e eu sei contar direitinho o que aconteceu. Por isso resolvi que essa parte do filme fosse importante".

Leia também: Ovacionada, Gretchen rouba a cena no maior show da turnê de Katy Perry

Gretchen ainda contou que a atriz que vai interpretá-la no cinema ainda não foi escolhida. "A gente não decidiu. Gostaria da Cléo, tem o jeito forte, determinada. Gosto da Giovanna Antonelli, acho boa... Também pensaram na Juliana Paes. Quem eu acho forte também é a Vanessa Giácomo. Até a Lucy Alves a gente pensou. Quem vai decidir é a Antônia, ela está fazendo uma seleção", finalizou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.