Tamanho do texto

A jornalista saiu da emissora ano passado e foca em seu blog pessoal

A jornalista Carla Vilhena pediu demissão da Globo em 2018, após 34 anos na emissora. A profissional trabalhou anos como repórter e âncora do “SPTV” e do “ Bom Dia SP ” – antes de Rodrigo Bocardi assumir seu posto. Essa segunda troca gerou muito falatório na época e Carla falou abertamente sobre o assunto em entrevista à rádio Jovem Pan.

Leia também: Carla Vilhena é advertida por Uber, protesta na web e discute com internautas

Carla Vilhena
Reprodução/Instagram
Carla Vilhena fala sobre saída da Globo e de quando foi afastada do "Bom Dia SP"


Antes do “Hora 1”, o “Bom Dia SP” era o primeiro jornal das manhãs da emissora e para estar no posto de âncora pontualmente, a jornalista precisava acordar às 3h da manhã. Carla Vilhena contou que tinha tanto medo de chegar atrasada que chegou a dormir na garagem da Globo. “Isso é bem apavorante”, lembrou.

Leia também: "Bom dia" ou "boa noite"? 5 saias justas que Rodrigo Bocardi já passou no jornal

Assim que a Globo começou com as reformulações no seu telejornalismo, Carla foi afastada do papel de âncora do jornal matinal e, na época, foi noticiado que a jornalista teria se chateado por ter sido proibida de se despedir do público.

Leia também: Dez jornalistas que podem surgir na CNN Brasil

Ela admitiu que chorou, mas disse que foi porque as pessoas que trabalhavam com ela começaram a se despedir. Depois desse episódio, Carla Vilhena se tornou repórter especial do “Fantástico” e plantonista do “Jornal Nacional”, porém ela decidiu focar em seu blog pessoal e se desligou da emissora ano passado acreditando na a internet vai evoluir como a TV.