Tamanho do texto

O ator e ex-apresentador do programa por mais de quinze anos publicou um texto sobre o fim da atração que estava no ar há 35 a anos na programação

Após a Globo anunciar oficialmente o fim de uma das atrações principais da casa, o "Vídeo Show", o ator e ex-apresentador do programa, Miguel Falabella, compartilhou um texto falando à respeito da decisão da emissora e agradecendo o espaço que teve na atração durante 15 anos, de 1987 a 2001- retornando em 2015 no encerramento do programa com uma mensagem motivacional. Oficalmente a atração só fica no ar até a próxima sexta-feira (11). 

Leia também: Globo decide encerrar "Vídeo Show" após 35 anos no ar

Miguel Falabella fala sobre o fim do
Divulgação/TV Globo
Miguel Falabella fala sobre o fim do "Vídeo Show"


Em seu perfil oficial no Facebook, Miguel Falabella começou criticando a imprensa. "Os jornais todos estão me telefonando, por causa do fim do " Vídeo Show " e, como a gente nunca sabe de que modo seremos reproduzidos, aqui vai meu testemunho do fundo de tudo, alma e coração compreendidos". Logo após, agradeceu a oportunidade que José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, lhe deu para estar a frente da atração por tantos anos. 

Leia tabém: Globo considera fim da "Sessão da Tarde" e vê Fernanda Gentil como curinga

Miguel Falabella fala sobre o fim do
Reprodução
Miguel Falabella fala sobre o fim do "Vídeo Show" na Globo após 35 anos

"Só amor e gratidão por este programa que ficou no ar por mais de trinta anos. Fui muito feliz ali, agradeço ao Boni a oportunidade de ter me deixado capitanear o show por quinze anos,; depois, voltei para os encerramentos, homenageei meus amigos em 'Memória Nacional' e agora sopro a vela, junto com toda a equipe, com o coração tranquilo", completou. 

"Foi um prazer e uma honra ter vivido o que vivi nesse programa. Não sei de audiências, de mudanças, disso ou daquilo. Sei das relações que ali eu criei, da família que fomos um dia, numa casa atrás de tudo, no Teatro Fênix. Mas não choro seu fim. Há uma única constância no universo: a mudança. Vamos em frente! Obrigado, sempre!", concluiu. 

Leia também: Quais os possíveis rumos de Fernanda Gentil no entretenimento da Globo?

Miguel Falabella foi um dos tantos outros apresentadores como Tássia Camargo, Marcelo Tas, Cissa Guimarães, André Marques, Ana Furtado, Luigi Barichelli, Fiorella Matheis e Zeca Camargo que comandaram o programa na Globo ao longo dos 35 anos. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.