Tamanho do texto

Segundo informações do TMZ, Demi Lovato fez uso de oxicodona possivelmente misturada com fentanil, o que causou sua overdose

Após Demi Lovato se recusar a dizer que tipo de substância usou, causando sua overdose  em 24 de julho durante uma festa, o site TMZ divulgou novas informações sobre o caso. De acordo com a publicação, a cantora entrou em contato com um traficante que levou oxicodona, um opioide analgésico semelhante a morfina.

Leia também: O que se sabe até agora sobre a nova recaída da cantora Demi Lovato?

Segundo informações do TMZ, overdose de Demi Lovato pode ter sido causada pela mesma substância que causou a morte do cantor Prince
Reprodução/Instagram
Segundo informações do TMZ, overdose de Demi Lovato pode ter sido causada pela mesma substância que causou a morte do cantor Prince


Segundo fontes do site, o traficante tinha o hábito de comprar drogas do México e, aparentemente, a oxicodona encomendada por Demi Lovato estava misturada com fentanil, um analgésico potente. O fentanil é o mesmo opiaceo que causou a morte do cantor Prince e do rapper Lil Peep.

Leia também: Socorro eficiente a Demi Lovato evitou tragédia: "Ela poderia ter morrido"

Além do mais, Demi estava em contato com esse fornecedor de drogas desde abril e ele teria fugido da casa da estrela assim que notou que a celebridade estava com dificuldade de respirar. 

Demi Lovato posta mensagem após overdose

A cantora pop americana usou seu Instagram  para compartilhar uma carta aberta para seus fãs, abrindo seu coração e dizendo que precisa de um tempo para se dedicar a sua saúde. Demi agradeceu o apoio dos fãs, da família e da equipe do hospital que ajudou a se recuperar da overdose. 

"Eu sempre fui transparente sobre a minha jornada com o vício. O que aprendi é que essa doença não é algo que desaparece ou se desfaz com o tempo. É algo que eu preciso continuar superando, o que ainda não fiz", começou

Carta aberta de Demi Lovato
Reprodução/Instagram
Carta aberta de Demi Lovato


" (...) Eu agora necessito de tempo para me curar e focar na minha sobriedade e na estrada para a recupação. O amor que vocês todos me mostraram nunca será esquecido e eu espero pelo dia em que poderei dizer que saí do outro lado. Eu vou continuar lutando. Demi", finalizando a mensagem. 

Leia também: Demi Lovato fala pela primeira vez após internação: "Necessito de tempo"

Dedicando-se totalmente a sua saúde, a produção de Demi Lovato  cancelou as próximas datas da turnê de 'Tell Me You Love Me' na América do Sul. Sendo assim, a turnê foi cancelada no Chile, Argentina e Brasil. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.