Tamanho do texto

Canção gravada com Dilsinho nem foi lançada e já está dendo o que falar

Ao divulgar na última terça-feira (8) trechos da música que gravou com Dilsinho, Naiara Azevedo passou a ser ataca nas redes sociais. Tudo porque, a canção Manda Áudio , que ainda nem foi lançada, já foi grava pelo grupo de pagode Di PropósiTo . Eles, inclusive, se pronunciaram nas redes sociais e a cantora rebateu.

Leia também: Naiara Azevedo cita Jesus ao se dirigir a haters em postagem de fim de ano

Naiara Azevedo arrow-options
(Foto: Marcel Bianchi/Divulgação)
Naiara Azevedo garantiu que não plagiou música do grupo de pagode


Segundo o grupo de pagode, o arranjo da nova música de Naiara Azevedo é igual ao da música deles e questionaram: “Por que não fomos convidados?”. Depois, o Di PropósiTo gravou um vídeo de esclarecimento dizendo que não tinham acusado a cantora de roubar a música deles, mesmo assim ela resolveu gravar alguns stories para explicar o que aconteceu.

Leia também: Clipe de Beyoncé para "O Rei Leão" é acusado de plágio

“Eu vi minhas redes sociais uma certa polêmica girando em torno da música e eu vou explicar agora tudo como funciona e qual a real dessa polêmica. Essa música que eu gravei com o Dilsinho , que eu convidei para participar comigo, é uma música que ela já foi gravada por um grupo de pagode. Naiara você sabia disso? Sim, sabia! Mas eu não havia ouvido a versão com o grupo de pagode, eu só havia ouvido a versão playback que recebi dos compositores”, começou Naiara.

A cantora continuou: “Então para esclarecer a primeira parte da confusão que tenho visto na internet a música não é composição do grupo de pagode, tem outros compositores. Eu não roubei a música de ninguém. Segunda polêmica, Naiara você roubou o arranjo do grupo de pagode. Eu não copiei nada, primeiro porque eu não toco instrumento nenhum (risos), brincadeira gente. Eu nem sabia da versão deles, eu fui para o estúdio colocar voz”.

Leia também: Wesley Safadão é acusado de plágio por guitarrista

Naiara Azevedo também quis deixar claro que não roubou a produção do grupo de pagode. “Eu não plagiei nada, a música não foi lançada e a produção dessa música também não é do grupo de pagode, ela é de um produtor maravilhoso. Eu jamais faria algo para passar em cima de alguém, ou faria algo irregular na minha carreira, que é o que eu amo fazer e faço com muito respeito”, concluiu.