Tamanho do texto

A região central de São Paulo foi cenário de muitas cenas da nova temporada

A quinta temporada de "Black Mirror" estreou nesta quarta-feira (05), na Netflix,  e para a alegria dos fãs brasileiros, em especial dos paulistanos, o episódio "Striking Vipers" veio recheado de cenas gravadas na Terra da Garoa.

Leia também: "Black Mirror" vs vida real: em que ponto está a corrida pela utopia tecnológica

Cena de
Reprodução/ Netflix
Cena de "Black Mirror" gravado no Viaduto Santa Ifigênia


Batizado de " Striking Vipers ", o episódio de " Black Mirror ", que mistura a virtualidade com a sexualização de personagens de vídeo game, foi gravado antes mesmo do lançamento de "Bandersnatch", filme interativo da franquia que chegou ao streaming em dezembro de 2018. 

Apesar de os atores Anthony Mackie e Yahya Abdul-Mateen protagonizarem a estória, todos os personagens, sem exceções, desfrutam de cenários paulistanos, incluindo os figurantes. 

Citando o trio principal, existe mais pluralidade nas locações brasileiras.  Danny, interpretado por Anthony, por exemplo, trabalha em um edifício onde são radicados dois veículos de comunicação nacionais. Ao terminar o expediente, ele passa pelo viaduto Santa Ifigênia, localizado na região central da cidade.  

Já o melhor amigo de Danny, vivido por Yahya Abdul, é proprietário de um apartamento na Avenida Paulista, um dos metros quadrados mais caros do País. Além disso, o personagem dirige no viaduto Presidente João Goulart, mais conhecido como Minhocão. 

O último solteirão de sua turma de amigos, o personagem também leva suas pretendentes para jantar no Bar Seen, localizado na zona Sul da cidade. 

Enquanto isso, Nicole Beharie, que vive a esposa de Danny na trama, também usufrue de alguns cenários da Terra da Garoa. Além de marcar presença no clube Year, na Vila Leopoldina, em sua juventude, ela é uma frequentadora assídua do Jericoacoara Bar, localizado na Avenida Nove de Julho, região Oeste da cidade. 

Leia também: Isso é muito "Black Mirror"! Cinco histórias reais que poderiam estar na série

Veja os demais lugares da cidade que ganharam as gravações da trama:

Leia também: Um ranking de todos os episódios de “Black Mirror”

Apesar de as cenas se passarem na capital paulista, não é tão simples identificar os pontos de referência no episódio, por isso, é importante estar atento. Graças ao milagre da edição, muitas coisas sumiram, como as pichações nos prédios que cercam o viaduto Santa Ifigênia. 

A vista panorâmica da cidade também foi constantemente editada pela produção de " Black Mirro ", quem conhece sabe que a Avenida Paulista, o edifício Copan, o Bar Seen e entre outros pontos da turísticos não possuem aquela "paisagem" exata. Todavia, independente da edição, a ambientação no Brasil chamou atenção positivamente dos brasileiros.