Marcelo de Carvalho e Daniela Mercury
Reprodução/Instagram
Marcelo de Carvalho e Daniela Mercury


Marcelo de Carvalho, que está à frente do "Mega Senha", da RedeTV!,  também usou o Twitter para repercutir a nota da coluna de Mônica Bergamo, na "Folha de S.Paulo", que informou que  Daniela Mercury obteve R$ 160 mil para a apresentação comemorativa ao Dia do Trabalhador, no Pacaembu, na zona oeste paulistana, neste fim de semana.

"Parabéns! Você, de São Paulo, com seu IPTU, pagou o show da Daniela Mercury no domingo. Aquele que o candidato ficou no carro esperando para entrar porque não havia ninguém. Está contente com o que fazem com seu imposto?", começou indagando o  empresário e sócio da RedeTV!, sem mencionar, no entanto, o nome do ex-presidente Luiz Inácio  Lula da Silva.


Além disso, entre uma interação e outra, o  apresentador acabou publicando prints dos documentos nos quais aparecem os dados da  cantora baiana como contratada: "Para quem tem dúvida, aqui estão o diário oficial do município e o empenho de verba da secretaria de cultura. Com os bilhões do fundo partidário disponíveis para fazer campanha, o partido faz showmício com o que você paga".

Por último, respondeu a um tuíte, já deletado do microblog e, provavelmente, escrito pela  rainha do axé music, dizendo: "O que é nosso, Daniela, é o dinheiro do IPTU, do ISS que nós, paulistanos, pagamos. Devolva os 100 mil reais que a prefeitura está pagando por você ter cantado. O fundo eleitoral serve para isso, verba pública, não. Seja ética".




    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários