Lázaro Ramos durante participação no 'Roda Viva'
Reprodução/Instagram
Lázaro Ramos durante participação no 'Roda Viva'


Durante participação no programa "Roda Vida", da TV Cultura, nesta segunda-feira (11),  Lázaro Ramos mencionou as declarações de Sérgio Camargo e  Mario Frias a respeito de Taís Araújo. Sem titubear, o ator e diretor do filme "Medida Provisória", que estreia nesta quinta-feira (14), nos cinemas de todo o país, afirmou que "isso é campanha política para tirar o foco dos problemas".

Tal opinião, aliás, foi a deixa para o  ex-secretário especial da Cultura voltar às redes sociais para tentar se explicar: "Dizem que puxei uma 'brigada bolsonarista' contra Taís Araújo e seu esposo, Lázaro Ramos. Sequer sei o que é 'brigada bolsonarista', o que sei é que apenas questionei onde estavam as reclamações dela quando os governos anteriores mergulhavam o país em roubalheira e corrupção".


Mario Frias
Reprodução/Instagram
Mario Frias


Na sequência, perguntou se isso era algum tipo de "ataque". "Não sou contra artistas, afinal, eu também sou um, mas sou completamente contra a hipocrisia e o egoísmo de muitos. Criticar o  presidente Bolsonaro e demonizar uma gestão séria, que não teve até hoje nenhum histórico de corrupção e que, mesmo em uma pandemia, preservou vidas e empregos é no mínimo mau-caratismo", finalizou.

Leia Também






    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários