Adriano, Imperador estreia 21 de julho no Paramount+
Divulgação
Adriano, Imperador estreia 21 de julho no Paramount+

Adriano Imperador, uma das maiores lendas do futebol brasileiro, revelou que não se arrepende de nada que fez durante sua carreira, apesar das polêmicas que se envolveu ao longo dos anos. "Foram as escolhas que eu fiz. Foi tudo pensado. Não me arrependo de nada. Tenho certeza disso!", admitiu. 


O jogador coleciona polêmicas na carreira, como envolvimento com tráfico de drogas e abandono dos treinos na Europa para retornar ao Brasil sem autorização, declarou que, olhando para trás, faria tudo de novo: "As coisas que aconteceram na minha vida, foram coisas que eu quis fazer, então, não tem o porque de eu ficar me culpando pelo o que já aconteceu".

Durante a série documental sobre a vida do jogador, que estreia nesta quinta-feira (21) no Paramount+, é evidente que o declínio da carreira foi após a perda de seu pai Almir Leite. Em uma das vezes que estava jogando pelo time italiano Inter de Milão, Adriano simplesmente abandonou os treinos sem avisar o clube para voltar a Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro, onde nasceu, para cuidar da saúde mental. 

"Eu decidi fazer o que fiz, porque eu não estava com a cabeça legal. Larguei mão de muito dinheiro. Foi a melhor decisão que eu pude tomar no momento. As pessoas não aceitavam, eu era mal compreendido. Mas isso não me importava, importava o que eu estava sentindo. Tinha que pensar na minha felicidade, voltar pra favela me reconectou com tudo. Foi tudo consciente", confessou. 

Ele ainda revelou que fica feliz em ver que, hoje em dia, a imprensa respeita a saúde mental dos atletas, já que foi muito julgado por suas decisões. "Na minha época era mais pesado o julgamento. Todo mundo erra e precisa ter a chance de melhorar", afirmou. 

A diretora do documentário, Susanna Lira, ainda completou revelando que Adriano é uma pessoa muito sensível, além de tímido. "Não é isso que a gente esperava nesse mundo machista do futebol, uma pessoa sensível, emotiva", disse. 

Mas ambos garantem que a série documental irá mostrar para a imprensa e para os fãs, quem é Adriano e que todos vão compreender muita coisa. "Esse documentário vai ajudá-los a me entender um pouco", declarou. 

Adriano, Imperador estreia dia 21 de julho com exclusividade no Paramount+.

*Reportagem de Gabriela Ramos

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários