Luiz Esteves fez comentário transfóbico durante a apresentação do Balanço Geral
Reprodução/Instagram
Luiz Esteves fez comentário transfóbico durante a apresentação do Balanço Geral


O ano é 2022 e ainda existem comunicadores que acham engraçado ou pertinente fazer comentários transfóbicos em seus programas. Desta vez, o apresentador Luiz Esteves tentou fazer piada ao vivo no Balanço Geral do Ceará, exibido pela TV Cidade, afiliada da Record no Estado, e acabou dando um show de preconceito.


Ao exibir uma reportagem de um homem que havia sido sequestrado e assaltado após marcar um encontro com uma pretendente em um aplicativo de namoro, Luiz Esteves decidiu expor um colega de trabalho com o intuito de provocar risos. Mas ele percebeu a falta de graça em suas palavras e logo mudou de assunto. Veja o que ele disse:

"Sempre [tenha] um pé atrás antes de começar um relacionamento. Por trás de um perfil, de uma foto da internet... Um colega nosso aqui se deu mal, quase. Não vou nem dizer o nome. Ele entrou no aplicativo achando que era uma coisa, quando chegou lá viu que era um travesti. Pois é. Fique atento, tá?", disse o apresentador.

É importante frisar que o Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais no mundo. E quando um jornalista usa de seu espaço para caçoar ou debochar de uma classe tão marginalizada, ele induz, ainda que indiretamente, seus telespectadores a praticar atos de violência, física e verbal, contra pessoas trans. Mais um episódio lamentável da TV brasileira. Assista:


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários