Tamanho do texto

Distribuidora alterou calendário de lançamentos para estrear "Ted Bundy - A Irresistível Face do Mal" ainda no mês de julho. Entenda melhor a decisão

Ted Bundy arrow-options
Divulgação/Paris Filmes
Ted Bundy - A Irresistível Face do Mal

O filme "Ted Bundy - A Irresistível Face do Mal" será lançado às pressas nos cinemas brasileiros. Tudo porque o longa, que causou sensação no último festival de Sundance, já está disponível na Netflix nos EUA, que adquiriu o filme pelo valor de U$ 9 milhões e inicialmente planejava lança-lo na temporada de premiações.

Leia também: Homem precisa aprender a valorizar a mulher de sua vida em comédia francesa

A Paris Filmes, que adquiriu os direitos do longa que reconstitui a trajetória de Ted Bundy , um dos mais vis e famosos serial killers da história, decidiu lançar o filme logo.

Para isso, adiou a estreia de outra produção de terror que já vinha promovendo a mais tempo e que estreou recentemente nos EUA, "Midsommar - O Mal Não Espera a Noite", novo filme do diretor de "Hereditário" , que estava agendado para 18 de julho e agora está previsto para setembro.

O notório serial killer Ted Bundy, responsável pelo assassinato de mais de 30 mulheres na década de 1970. O filme apresenta uma crônica dos crimes de Ted Bundy sob a perspectiva de Liz (Lily Collins), sua namorada de longa data, que não tinha conhecimento de seus atos.

O longa traz, ainda, um retrato de como o sistema de justiça criminal, a mídia e as pessoas muito próximas a Ted Bundy ( Zac Efron , bastante elogiado pelo papel), incluindo a mulher pela qual foi apaixonado, foram seduzidos e manipulados por ele. O elenco ainda reúne Kaya Scodelario (de "Maze Runner"), Haley Joel Osment (de "O Sexto Sentido") e Jim Parsons (de "The Big Bang Theory").

Leia também: Novo filme da diretora de "Psicopata Americano" aborda apelo de Charles Manson