Tamanho do texto

Amanda Seales estreando stand-up na HBO, final de "O Tempo Não Para" e nova série da Netflix são destaques da coluna Bastidores

Em 2018 muitas pessoas tiveram a chance de conhecer Hannah Gadsby, humorista da Tasmânia que ganhou projeção mundial depois do lançamento de “Nanette” na Netflix. Mas ela foi apenas uma das diversas mulheres que dominaram o cenário de stan-up no úlltimos tempos, muitas impulsionadas pela plataforma de streaming.

Amanda Seales é o manis novo nome a entregar um stand-up na HBO
Divulgação
Amanda Seales é o manis novo nome a entregar um stand-up na HBO

A HBO viu esse bom momento e lançou no último sábado (26) o stand-up “Amanda Seales: I Be Knowin”. Seales não é estranha ao canal, ela faz parte do elenco de “Insecure”, mas agora tem chance de brilhar sozinha em seu próprio especial.

Leia também: Chris Rock fecha acordo recorde com a Netflix e receberá US$ 40 milhões

O canal tem apostado em especiais liderados por mulheres. Michelle Wolf fez “Nice Lady” em 2017 e acabou ganhando um programa de comédia na Netflix chamado “The Break” (que foi cancelado pela plataforma).

Os dois vêm competindo pelos principais nomes entre as mulheres na comédia, como Sarah Silverman, que já teve especiais gravados para os dois estúdios. Em 2015, no auge da fama, Amy Schumer fez o “Live At the Apollo” com a HBO e, dois anos depois, ela fechou com o streaming e lançou “The Leather Special”.

O mais recente, e mais comentado, foi o retorno de Ellen DeGeneres aos palcos depois de 10 anos. Já estabelecida como apresentadora, ela decidiu retornar ao stan-up e falar sobre o novo momento da carreira. Embora seja muito difícil a HBO conseguir esse feito, o canal aposta em novos nomes, como Amanda.

Leia também: HBO aposta no hype em 2019 com "Game of Thrones", "Watchmen" e "Big Little Lies"

Final feliz

Divulgação
"O Tempo Não Para"

“O tempo Não Para” termina nessa segunda-feira (28) com um final feliz para os protagonistas Samuca (Nicolas Prattes) e Marocas (Juliana Paiva). O resultado do folhetim não é ruim e conseguiu manter a boa audiência. Embora algumas expectativas não tenham sido alcançadas (Cleo, Galisteu, e os vilões em geral), a trama de Mário Teixeira é considerada um sucesso.

Bossa Nova

Divulgação
"Coisa Mais Linda" da Netflix estrela Maria Casadevall e deve estrear ainda este ano no strreaming

Entre as novas séries da Netflix no Brasil está “Coisa Mais Linda”, que teve novas imagens divulgadas. Maria Casadevall protagoniza como Luiza que, depois de ser abandonada pelo marido, vê na Bossa Nova e no Rio dos anos 1960 uma chance de recomeçar.

Programado ainda para este ano, o projeto deve marcar uma dobradinha de Casadevall no streaming. Enquanto protagoniza a série da Netflix, ela também está em “Ilha de Ferro”, do Globo Play.

Leia também: Ainda atrás da Netflix, Globo Play busca espectadores da Globo para emplacar

Mais stand-up na Netflix

Mhel Marrer é a única brasileira a ter um especial de stand-up na Netflix
Divulgação
Mhel Marrer é a única brasileira a ter um especial de stand-up na Netflix

Embora em menor quantidade, os brasileiros estão representados no stand-up da Netflix. Entre as mulheres, por enquanto, só um nome: Mhel Marrer. Ela está entre os 47 humoristas que estão na série “Comediantes do Mundo” que estreou na plataforma dia 1 de janeiro. A cada episódio, um artista de lugares como Índica, Alemanha, México e Brasil tem sua chance de fazer rir na plataforma.