Paulinho e sua viúva, Elaine
Instagram
Paulinho e sua viúva, Elaine

Elaine Soares Bastos, viúva de Paulinho, vocalista do Roupa Nova, que morreu em dezembro de 2020 em decorrência de Covid-19, pretende engravidar do cantor a partir de fertilização in vitro. O casal congelou esmermatozoides de Paulinho, no Rio de Janeiro, entre 2012 e 2013.

"Não conseguíamos engravidar na época e, depois, ele começou a ter uma rotina de shows intensa. Vou fazer o procedimento e terei condições de ter meus filhos. Já até mandei a declaração que o Paulinho me deu para o Dr. Luiz Fernando Dale [ginecologista especializado em reprodução humana]", iniciou Elaine, em entrevista à Quem, que ainda relatou que está em depressão e de cama há um ano. "Às vezes fico mais de uma semana sem tomar um banho por causa da depressão. É muito dolorido falar sobre a morte do Paulinho. Fui a última pessoa a falar com ele".

Por conta dos problemas de saúde, ela não conseguiu concretizar a fertilização, mas pretende colocar esse plano nos trilhos o mais breve possível. "Vou fazer a FIV, mas, para fazer, não posso tomar alguns medicamentos que ainda estou tomando. Tenho que ir tirando aos poucos a medicação", continuou. "Ter um filho de Paulinho é uma forma de eternizar o cantor, ainda segundo a viúva. "Ele deixou uma autorização explícita botando o meu nome, que só eu poderia retirar esses espermatozoides que foram colhidos para darmos continuidade à nossa família, uma nova família. E vou eternizar meu marido. Ele já está eternizado no meu coração, mas pelo menos uns pedacinhos dele vou ter", acrescentou a viúva.

Recentemente, Elaine revelou que após a morte de Paulinho tem tido dificuldades financeiras, ela, inclusive, estaria trabalhando de ambulante para sobreviver. Em rebate a essa declaração, a banda emitiu uma nota apontando que a mesma recebendo uma pensão "considerável" mensalmente para se sustentar. Além disso, a viúva enfrenta uma batalha judicial com os filhos de Paulinho, Twigg de Souza e Pedro Paulo Casto, para ter a união estável reconhecida e, apenas assim ter direito à herança.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários