Tamanho do texto

Em entrevista a revista People, Lindsay Lohan pediu desculpas por dizer que as mulheres "parecem fracas" por denunciarem casos de assédio sexual

Lindsay Lohan voltou a falar sobre a onda de denúncias sexuais que inundaram Hollywood. Após gerar polêmica dizendo que as denúncias de abuso sexual deveriam ser discutidas no momento em que aconteceram e algumas pessoas fazem essas acusações apenas para ganhar seus dez minutos de fama, a atriz pediu desculpas. 

Leia também: Lindsay Lohan diz que as mulheres "parecem fracas" ao denunciar casos de assédio

Lindsay Lohan se desculpa por ter criticado o movimento #MeToo
Reprodução/Instagram
Lindsay Lohan se desculpa por ter criticado o movimento #MeToo


Em entrevista exclusiva a revista PeopleLindsay Lohan falou sobre as suas declarações ao jornal britânico  The Times . "Eu gostaria de pedir desculpas por qualquer dano ou angústia causados por uma citação em uma recente entrevista ao The Times . A frase estava relacionada apenas a minha esperança de que falsos testemunhos dentro do tsunami de vozes heroicas não sirvam para diluir a importância do movimento #MeToo ", começou. 

Após, disse que os seus comentários "são vistos como uma agressão", o que jamais foi a sua intenção. "Desculpem-me por qualquer dor que eu tenha causado.", declarou.

Leia também: Segundo publicação, Harvey Weinstein assumiu oferecer papéis em troca de sexo

A atriz, conhecida por suas atuações em filmes como "Operação Cupido" (1998), "Sexta-feira Muito Louca" (2003) e "Meninas Malvadas" (2004), ainda falou ainda sobre a admiração que sente por mulheres que falam sobre os casos de assédio que já sofreram.

“Tenho o maior respeito e admiração pelas mulheres corajosas o suficiente para se apresentar e falar sobre suas experiências. Seus testemunhos servem para proteger aquelas que não podem falar e dar força às que têm lutado para que suas vozes fossem ouvidas", afirmou Lindsay.

Lindsay Lohan critica movimento #MeToo

Lindsay Lohan defendeu publicamente Harvey Weinstein, acusado por diversas mulheres de assédio sexual
Divulgação
Lindsay Lohan defendeu publicamente Harvey Weinstein, acusado por diversas mulheres de assédio sexual

Em recente entrevista, a atriz se opôs a mulheres que falam sobre os abusos que sofreram, dizendo que muitas "parecem fracas" por falarem. “(...) Eu vou realmente me odiar por dizer isso, mas acredito que ao falarem contra todas essas coisas, faz as mulheres parecerem fracas quando na verdade elas são muito fortes”, disse Lindsay, que também defendeu publicamente o produtor cinematográfico  Harvey Weinstein após envolvimento em casos de assédio. 

Leia também: Paris Hilton diz que Lindsay Lohan é "mentirosa patológica"

Completando,  Lindsay Lohan disse que algumas pessoas fazem acusações apenas para ganhar seus dez minutos de fama. “Tem essas garotas que se expõem, que ninguém sabe quem são, que fazem isso para chamar atenção. Isso está tirando o foco do que aconteceu”. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.