Tamanho do texto

Reality show sofre com falta de engajamento nas redes sociais, falta de inovação e pior início de audiência da história do programa; entenda

Na última quarta-feira (30) o “BBB 19” completou 15 dias de exibição. No entanto, sob apresentação do jornalista Tiago Leifert, o reality show da Rede Globo vem sofrendo um severo declínio em diferentes pontos, tudo isso devido a defasagem na inovação, engajamento social frágil e o dejá vu de personalidades na temporada.

Leia também: Bíblia do "BBB": iG compilou estatísticas curiosas do reality show da Globo

BBB 19
Reprodução / TV Globo
BBB 19

Com possibilidade de ser considerada a temporada mais “flopada” da história do reality, o atual “estado de saúde” do “ BBB 19 ” é mutável.  O programa pode ser aprimorado e redirecionado no decorrer da disputa pelo cobiçado prêmio de R$ 1,5 milhão.

Leia também: Falam muito! Saiba quem são os "militudos" do "BBB 19"

  • Diferentes rostos, mas o mesmo “BBB”
BBB 19
Reprodução / TV Globo
BBB 19

Em 2019, o público pode conhecer 16 novos rostos, mas frustrou-se ao não encontrar mudanças no jogo. Com exceção do Quarto dos Desafios e das mudanças no Tá Com Nada (que já existia), o reality show continua o mesmo, igual a competição que pode ser conferida na edição de 2017 - com exceção da decoração.

  • O efeito Gleici
Danrley e Hana são comparados a Gleici e Ana Clara
Reprodução/Instagram
Danrley e Hana são comparados a Gleici e Ana Clara

Mesmo trazendo rostos diferentes para as telinhas, alguns participantes da edição, como Danrley e Hana, claramente, têm similaridades com duas ex-sisters que deram muito certo na temporada anterior, Gleici e Ana Clara.

Por um lado, temos o vendedor de picolé carioca, que descende de uma origem humilde e que quase não compareceu a audição por não ter acesso à internet. Do outro, temos a Youtuber carioca de personalidade forte e carisma transbordante, que apesar de parecer “forçada” em alguns momentos, conquista aos poucos uma fã base exorbitante.

Antenados, o público logo notou a semelhança entre os elencos, e para infelicidade da produção do programa, o efeito Gleici e Ana Clara não está com a corda toda. Menos ávido do que parecia, Danrley, apesar de integrar o Baile da Gaiola - grupo de participantes militantes da edição - não se destaca, até se entrosou, mas não se coloca como competidor.

Por outro lado, repleta de trejeitos, brincadeiras e desenvoltura para fluir por todos os grupos sociais da casa, Hana se mostra uma Ana Clara excelente, a ponto de daqui a algum tempo não precisar ser comparada a ex-sister e ocupar seu próprio espaço.

  • A surpresa da temporada
BBB 19
Reprodução / TV Globo
BBB 19

Todo ano Boninho, o diretor geral do “Big Brother”, prepara uma surpresa que apenas é revelada na primeira semana de exibição do reality. Em 2017, a edição recebeu dois pares de gêmeos idênticos: Emilly e Mayla Araújo e Antônio e Manoel Rafaski. Na edição de 2018, o público vibrou com a entrada da Família Lima. Para 2019, o diretor fez grande suspense e até solicitou sugestões dos internautas.

A espera de uma grande revelação, o retorno de um casal emblemático do “Big Brother”, a entrada de pessoas famosas na competição ou algo maior, o público decepcionou-se ao saber que o grande “twist” da temporada seria o Super Paredão, onde todos os participantes lutaram por sua permanência no confinamento. Desta berlinda, que tinha o fator “menos votado” como definidor eliminatório, quem saiu derrotado foi Vinícius.

Além de pouco atrativo em relação aos anos anteriores, o Super Paredão mostrou-se bastante improvisado, de maneira que aconteceu rápido e o público não se empolgou com a proposta. Para se ter noção, a primeira prova do reality, que se resumia em atravessar um labirinto, já era parte da grande surpresa, já que os vencedores ficaram imunes à berlinda. Porém, em uma falha de desenvolvimento e delay de dias, a emissora perdeu o timing e acabou fazendo da surpresa da edição apenas um Paredão confuso na história do programa.

Leia também: Ainda sem barracos, “BBB 19” já reúne sua cota de polêmicas; veja a lista

Ainda em sua fase inicial, considerar o “ BBB 19 ” um “flop”, ou seja, um fracasso, é algo precipitado. Todavia, sem a atenção aos problemas citados, a possibilidade da temporada sagrar-se a pior de todas não é descartável.

    Leia tudo sobre: BBB
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.