Juma e Muda casarão em 'Pantanal'
Reprodução/Globo 12.07.2022
Juma e Muda casarão em 'Pantanal'


Na próxima semana de "Pantanal", a fazenda de Zé Leôncio (Marcos Palmeira) terá a celebração de dois casamentos. O casório entre Juma (Alanis Guillen) e Jove (Jesuíta Barbosa), e Muda (Bella Campos) e Tibério (Guito) terá muita emoção e surpresas para os fãs da novela de Benedito Ruy Barbosa, adaptada por Bruno Luperi. 


Logo no começo, o padre (Cacá Amaral), chega antecipadamente na fazenda para conhecer os noivos e descobre que Juma não é batizada. Apesar da confusão, o padre fica tocado com o amor entre os quatro noivos e se sente à vontade para realizar a cerimônia. 

O casamento também gerará um estranhamento em Juma, que apesar de amar Jove, fica assustada com a festança. Maquiada e com vestido de noiva, ela foge na hora em que todos estarão no altar. Mas o Velho do Rio (Osmar Prado) a convence de voltar para a cerimônia, dizendo que Jove nunca quis prendê-la e que o Velho estaria sempre ao lado dela. 

Na cerimônia, um forte berrante toca. Trata-se do Velho, que mostra para Juma e Jose Leôncio que estará presente. Mas além dos casamentos, que serão recheados de emoção, os vestidos de Juma e Muda trazem um conceito diferente para a trama. 

Marie Salles, figurinista da novela, conta em nota que o vestido de Juma foi idealizado ao lado de Jacqueline Chiabay, estilista que faz trabalho de tricô com fitas de sobra de couro. "Nós desenvolvemos o vestido feito com crochê de couro, usando fitas naturais, é uma trama de tricô e crochê intercaladas, feitas manualmente", afirma. 

"Essa sobra de couro vem de um projeto social de áreas rurais, que é bem interessante. Assim como tantos outros produtos desenvolvidos a partir do reuso de couro proveniente da indústria brasileira do vestuário, o vestido da Juma faz parte de um projeto de produção coletiva e cooperada envolvendo mulheres artesãs de comunidades rurais do entorno do ateliê de Jacqueline e de várias outras localidades do Espírito Santo", conta. 

Juma usará um arranjo de flores secas na cabeça, mas com o decorrer do capítulo, irá deixar de lado. "A gente quis fazê-la toda com flores secas, com sobras de couros, mas no dia do casamento ela não usa porque vai tirar o arranjo, tirar os sapatos e casar descalça", indica. 

Já o traje de Jove será à caráter, como pantaneiro, com guaiaca e faixa pantaneira. "A diferença é que ele vai casar todo de ocre, que são as cores do avô Joventino, e de brim, com uma jaqueta. Eles vão dar um para o outro uma pena de uma ave que nós achamos no chão, no Pantanal, e levamos para as gravações", pontua. 

Marie conta que o vestido da Muda foi feito por uma costureira, para dar a impressão de vestido feito manualmente. A figurinista que fez todo o vestido, com a contramestra e costureira dos Estúdios Globo. "São dois tecidos, um transparente com textura, e um tecido floral, embaixo. Quando ela anda, esse tecido floral aparece, com estampas bem miúdas. E na cabeça ela tem também uma guirlanda de flores secas, nas cores rosa, lilás, que acompanham a estampa do vestido", conta. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários