Douglas fez comentário preconceituoso
Reprodução/BBB
Douglas fez comentário preconceituoso

Douglas Silva foi acusado na web de cometer intolerância religiosa contra Linn da Quebrada por um fala no "Big Brother Brasil 22".

Tudo começou quando, no quarto grunge, o ator disse que Pedro Scooby não estava conseguindo dormir por conta de um presente da cantora. Arthur, que ouvia a conversa, não tinha entendido a relação e, ao pedir a explicação ouviu de DG: "As mandingas vêm".

Diante das imagens, a equipe de Lina tornou pública a insatisfação e disse que está analisando internamente para entender qual medida tomarão.

"Tomamos ciência de um possível caso de intolerância religiosa, por parte de alguns dos participantes do 'BBB 22', envolvendo o nome da Lina. Estamos avaliando as imagens e discutindo qual a melhor forma de conduzir esse episódio".

Em seguida, a equipe do ator pediu desculpas pelas falas dele dentro do programa.

"Pedimos desculpas a todos os praticantes e cultuadores das religiões de matrizes africanas e para toda a ancestralidade pela fala equivocada de Douglas ao se referir a um presente que Pedro Scooby recebeu de Lina", escreveu a equipe, que completou: "Estendemos o pedido de desculpas à participante e sua família, por qualquer constrangimento gerado pela situação. Enfatizamos ainda a importância do respeito para com todas as religiões e a prática da tolerância".

Leia Também

Nas redes sociais, a equipe de Lina fez um longo texto falando sobre a religião da sister, que é o candomblé, e sobre as implicações do uso da palavra "mandinga", que é usada em sentido pejorativo.

"Antes de entrar no programa, Lina destacou que só iria se estivesse de tranças. Se ela deu um fio de sua trança para um dos participantes, existe um significado afetivo nisso", destacaram eles.

O babalorixá Rodney William, pai de santo de Lina, comentou o post e afirmou que todos sairão fortalecidos desses embates.

"Com a força de nossos orixás, com generosidade, compreensão e afeto, sairemos sempre fortalecidos desses embates, ensinando sobre nossas práticas e promovendo o diálogo inter-religioso. PAZ E AXÉ pra todes!", disse ele.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários