Jade Picon no 'BBB 22'
Reprodução/Globo
Jade Picon no 'BBB 22'


Jade Picon não quer dançar. A influenciadora digital de 20 anos lida com um trauma pessoal, e sempre foge das coreografias coletivas realizadas por seus colegas de confinamento durante as festas do "Big Brother Brasil 22".

O comportamento ficou mais claro para os espectadores na tarde da última quinta-feira (17), quando a jovem se recusou a participar de uma ação no programa envolvendo uma... aula de dança. Na ocasião, ela afirmou que estava se sentindo mal. Mas o motivo para ter ficado sentada no sofá era outro, como revelaram os administradores da redes sociais da paulistana.


Leia Também

Em 2020, Jade Picon foi alvo de uma enxurrada de comentários ofensivos depois de publicar um vídeo no Tik Tok (veja abaixo) em que reproduzia uma coreografia da música "Savage", da rapper Megan Thee Stallion. À época, a falta de gingado da influenciadora despertou a zombaria de internautas, e Jade não lidou bem com a repercussão negativa. Desde então, ela tem fugido das pistas: só dança sozinha, dentro da própria casa.


No Twitter, a equipe que gerencia as redes sociais de Jade afirmou que ela "já foi alvo de muitos comentários maldosos por simplesmente não suprir as expectativas de algumas pessoas ao dançar".

Dentro do "BBB", Jade compartilhou para alguns colegas o trauma. "Eu não tenho gingado. Uma vez, fiz uma dança no Tik Tok e entrei nos Trending Topics do Twitter. Fiquei traumatizada e falei: 'Nunca mais na minha vida faço essa merda'", contou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários