Fabrício Battaglini, Ana Maria e Felipe Andreoli
Globo
Fabrício Battaglini, Ana Maria e Felipe Andreoli

Fabrício Battaglini, repórter especial do "Mais Você", relatou nesta segunda-feira (04) que sua família foi vítima do golpe do pix recentemente. Em conversa com Felipe Adreoli e Ana Maria Braga - que testou positivo para Covid-19 duas vezes - , o jornalista explicou que a intenção de contar seu caso, é que menos pessoas passem pela mesma experiência.

"Eu espero que depois dessa conversa menos brasileiros caiam neste golpe. Eu fico revoltado, principalmente depois de tantas reportagens que eu fiz aqui sobre o assunto, explicando como não cair no golpe, como se proteger, como se defender... enfim, eu vejo minha família envolvida numa situação dessas. Eu fiquei realmente muito bravo, estou ainda irritado com o que aconteceu. A gente fica muito bravo mesmo né, Ana?", iniciou ele.

Em seguida, Ana relatou que com frequência criminosos tentam se passar por seus filhos. "Eu vejo, acho estranho, bloqueio e deleto os contatos que vão aparecendo aqui, mas acontece quase que toda semana. A primeira vez que aconteceu eu liguei e perguntei: 'Por que você mudou de celular'. Então, meu filho disse que não tinha mudado", revelou a apresentadora, citando a abordagem inicial das criminosos.

Fabrício, então, explicou como sua família se tornou alvo do famoso golpe do pix. "Uma pessoa, se passando por mim, pediu dinheiro a uma pessoa da minha família. Como desculpa, ela disse que eu, supostamente, estaria sem sinal, que o aplicativo do banco estava dando problema. Essa pessoa da minha família disse que naquele momento não conseguiria realizar a transação, mas que conversaria com outro parente para ver isso. Desatenta, a pessoa não notou algumas incongruências, eu estava ocupado aqui com as gravações e esse tal parente fez o pix", narrou ele, que teve prejuízo familiar avaliado em R$ 1.300.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários