Na última quinta-feira (23), Mara Maravilha confessou que já sofreu assédio. A apresentadora do SBT relembrou o caso, que aconteceu em 2019, durante o "Fofocalizando".

Leia também: Mara Maravilha deixa mais uma vez o "Fofocalizando" e anuncia "novo desafio"

Mara Maravilha arrow-options
Reprodução Instagram
Mara Maravilha

Leia também: Volta de Mara Maravilha à TV desencadeia rede de polêmicas

"Eu me lembro que eu tinha... Isso já tem tempo, olha como fica o trauma na nossa mente. Eu estava andando e a pessoa, o homem, vinha ao contrário. Ele simplesmente colocou a mão no meu peito e continuou andando", contou  Mara Maravilha .

Leia também: Mara Maravilha se apega ao sonho de ser mãe: "Tentaremos o possível"

A apresentadora do SBT continuou dando detalhes do caso: "Eu olhei para trás e tentei falar, ele nem olhava para trás, me tirando de louca. Isso já tem tempo, para você ver a agressão [ assédio ] que é não só física, mas psicológica. Eu fico me perguntando se ele não tem mãe, não tem irmã", finalizou Mara Maravilha .

    Veja Também

      Mostrar mais