Tamanho do texto

Além disso, o tio de Isabela, namorada do ator, chamou os pais do artista de pedófilos, comentou sobre promessas que o ator fazia à jovem e muito mais

Nesta terça-feira (11) o "Fofocalizando", noticiário de famosos do SBT , exibiu uma entrevista exclusiva com com o irmão de Paulo Cupertino Matias, acusado de matar o ator Rafael Miguel, João Alcisio Miguel e Miriam Selma Miguel. 

Leia também: Namorada de Rafael Miguel adota sobrenome do ator e desabafa: “Preciso de você”

Rafael Miguel
Divulgação
Rafael Miguel

O tio de Isabella Tibcherani, sobrevivente e ex-namorada de Rafael Miguel, contou à repórter do " Fofocalizando " que o ator "prometia coisas" à jovem e que todos ali "morreram tarde demais". Em seguida, ele acrescentou: "Se estivessem vivos, morreriam de novo".

Leia também: Suspeito de matar Rafael Miguel tinha passagem pela polícia

O tio de Isabella, um tanto confuso, defendeu o irmão: "Se pegassem um casal de pedófilos em sua casa, o que fariam? Se fosse minha filha, eu faria", declarou ele sobre o assassinato do artista, conhecido por sua participação em " Chiquititas ", e seus pais.   

Leia também: Na TV, namorada de Rafael Miguel fala sobre o pai: “misógino e agressor”

O irmão ainda declarou que não sabe onde está a arma de Paulo Cupertino e que ele está separado da mãe de Isabela: “tem umas quatro esposas e 10 casas”. Além do sucesso de "Chiquititas", Miguel Rafael também ganhou fama por estrelar um comercial de achocolatado.