Tamanho do texto

Julia Dalavia e Renato Góes caíram no gosto do público e essa é uma prova de que a Globo precisa arriscar mais e colocar novos nomes em papéis principais

A novela “Órfãos da Terra” segue com boa recepção do público e a história da família refugiada que começa uma nova vida no Brasil chegou a ser cogitada para a faixa das 21h . Entretanto foi definido que a novela ocuparia o horário das 18h e, sabendo que é uma boa trama, a Rede Globo resolveu fazer algumas apostas – como dar espaço para novos protagonistas .

Jamil (Renato Góes) e Laila (Julia Dalavia)
TV Globo/Paulo Belote
Jamil (Renato Góes) e Laila (Julia Dalavia) são apostas da Globo em "Órfãos da Terra"


Em novelas da faixa 21h e até da 19h é comum que os mesmos rostos se repitam na tela. Giovanna Antonelli, Cauã Reymond, Paolla Oliveira, Alexandre Nero, Marina Ruy Barbosa, Bruno Gagliasso e Isabelle Drummond são alguns atores que costumam se revezar nos núcleos principais. Porém, em “ Órfãos da Terra ”, Julia Dalavia e Renato Góes ocupam os personagens centrais.

Ambos já atuaram em outras novelas na casa – inclusive juntos, quando fizeram par romântico na novela “Velho Chico”. A questão é que eles não são nomes conhecidos do grande público – bom, pelo menos não eram até “Órfãos da Terra” – e isso traz uma sensação de novidade para a novelas que vem se desgastando nos últimos anos.  

Apostar em novos atores para protagonizar uma trama é válido porque traz um frescor para o público, mas isso não é feito com frequência porque, muitas vezes, é visto como algo arriscado pela emissora.

Leia também: “Órfãos da Terra” traz romance em meio à história de refugiados

Ter nomes conhecidos no elenco de uma novela ajuda a atrair público e até patrocinadores, mas esse Ibope não se sustenta se a atuação de determinado ator ou atriz não convencer o telespectador, por mais conhecido que seja – Bruna Marquezine, em “Deus Salve o Rei”, é uma prova disso.

Com medo de arriscar, os testes com protagonistas que a Rede Globo faz nas novelas costuma acontecer na que possui menor audiência – que acaba sendo a da faixa das 18h por ser transmitida muito cedo. Isso deveria mudar, pois tanto Julia Dalavia , que vive Laila, e Renato Goés , que interpreta Jamil, são provas de que uma boa atuação aliada a uma química entre os atores é o suficiente para cair nas graças do público.

Química entre protagonistas

Elenco de Espelhos da Vida
Reprodução/TV Globo
Em "Espelho da Vida", os atores Rafael Cardoso, Vitória Strada e João Vicente de Castro formaram um triângulo amoroso


A antecessora de “Órfãos da Terra”, a novela “Espelhos da Vida”, seguiu a mesma lógica e colocou João Vicente de Castro como o protagonista da trama. A escolhida para fazer par romântico com ele foi a atriz Vitória Strada – que ano passado era a aposta da emissora em outra novela das 18h, “Tempo de Amar”.

Em sua segunda protagonista, Vitória conseguiu se destacar se dividindo entre as personagens Cris e Júlia, porém a tal química com João Vicente não rolou. Para solucionar a questão, Rafael Cardoso, que a princípio seria o vilão da trama, se tornou o par romântico da protagonista – ofuscando o espaço de João Vicente.

Leia também: Tudo o que você precisa saber sobre a novela das 18h, "Espelho da Vida"

Esse tipo de mudança em novelas é algo normal e não deve impedir a Globo de apostar em novos talentos como está sendo feito em “ Órfãos da Terra ”.