Tamanho do texto

Primeiro episódio de "GoT" teve seis minutos a menos na China e gerou revolta nos fãs da série. "Sem elas, por que devo assistir?", questionou um fã

Os fãs de “Game of Thrones” da China não ficaram muito felizes com a versão de “Winterfell”, primeiro episódio da oitava temporada que estreou no último domingo (14), que foi exibida no país. Seis minutos foram cortados pelo censores chineses antes de disponibilizar o episódio na plataforma de streaming Tencent, que exibe a série no país.

Leia também: Atores de "Game of Thrones" respondem perguntas curiosas de fãs; assista

Game of Thrones
Reprodução
Censura chinesa cortou seis minutos do episódio de "Game of Thrones"


O capítulo de “ Game of Thrones ”, que originalmente tem 54 minutos de duração, acabou ficando com 48 minutos na China. Cenas de sexo, como a que Bronn aparece com três prostitutas, e violência, como o resgate de Yara pelo irmão Theon, foram cortadas pelo censores.

Nas redes sociais, os fãs não gostaram muito dessa censura. "É um pouco desconfortável assistir a esta versão. Se as cenas cortadas não fossem importantes, por que os roteiristas as escreveriam? Por que o diretor as filmaria?", questionou um espectador.

Leia também: Após 1º episódio do 8º ano, Daenerys vira peça-chave para resolução de "GoT"

"As pessoas que assistem a ‘GoT’ não gostam da série pela pornografia ou pela violência, mas pelo todo da história. Eu não quero perder nenhum segundo dos episódios", completou.

Outro internauta disse que entende o corte das cenas de sexo, tendo em vista que assiste à série com o seu pai, mas é contra a censura das partes violentas. "As cenas de luta também foram cortadas. Sem elas, por que devo assistir?", escreveu.

Leia também: Os cinco melhores momentos da estreia do 8º ano de  “Game of Thrones”

Já para um terceiro espectador, a “culpa” da censura era do serviço de streaming que exibe a série na China. "Tencent está fazendo com que paguemos para assistir a uma versão 'castrada' de ' Game of Thrones '", provocou.

    Leia tudo sobre: Game of Thrones
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.