Tamanho do texto

Sapatour concorria na categoria "Aposta", mas foi esquecido na premiação

Na noite da última quarta-feira (3) aconteceu a extravagante premiação MTV Miaw com apresentação de Sabrina Sato e Hugo Gloss. Diversas celebridades marcaram presença e desfilaram pelo Pink Carpet, entretanto o grupo Sapatour , que estava concorrendo na categoria “Aposta”, não teve acesso a essa nobre área.

Leia também: MTV MIAW tem Louro José na disputa pelo "Pet do Ano"

grupo Sapatour
Reprodução/Youtube
Grupo Sapatour criticou o MTV Miaw


As autoras do Sapatour, que gerenciam um canal no YouTube com temática LGBTQ+, criticaram a organização do MTV Miaw porque não foram convidadas para desfilar no Pink Carpet e também por não receberam as pulseiras de acesso que os outros concorrentes receberam.

Leia também: Bombadíssimo nas redes sociais, Hugo Gloss sonha em entrevistar Beyoncé

“OI GENTE, deixaram TODOS nossos concorrentes passar no Pink Carpet MENOS A GENTE! Deram ingresso superior pra todos menos pra gente! O que acham disso? KKKKKKK não temos acesso a nada! COMENTEM ESSA INJUSTIÇA PERGUNTANDO DO SAPATOUR LÁ NO MTV!!!! Espalhem isso”, escreveu Yasmin Akutsu, uma das integrantes do grupo, no Twitter.

Em outra publicação, ela escreveu: “Todos os convidados e concorrentes com pulseiras rosa ou até superior e a gente tinha no máximo pulseira de ‘fumante’ porque era a pulseira que tinha acesso pra SAIR do local e nem fumante a gente é HAHAHAHA era porque era nossa única opção de ‘acesso’”.  E acrescentou: “Todo mundo da nossa categoria dando entrevista pra um monte de lugar, fazendo fotos, filmagem e a gente na plateia sem poder ter acesso a NADA”.

Leia também: Halsey é a atração internacional confirmada no "MTV Miaw" 2019

Além disso, o grupo afirma que nem ao menos foi informado sobre o horário em que a categoria em que estavam concorrendo seria anunciada. “Deixei minha saúde de lado mais uma vez pra me entregar de corpo, alma e coração pra uma coisa que era pra ser FO** pra gente pra chegar na hora e escutarmos ‘não podemos fazer nada agora’”, escreveu Yasmim indignada. 

Em nota, a emissora se posicionou sobre o ocorrido no MTV Miaw . "A 2ª edição do MIAW, ontem, dia 03, no Credicard Hall, recebeu mais de 150 artistas. Por segurança e espaço da casa, é inviável receber todos os convidados e seus acompanhantes no backstage. Muitos talentos receberam convites para assistir à premiação na pista ou no andar superior. Não houve, por parte do canal, nenhum tipo de preconceito ou hostilidade, fato é que a MTV admira o trabalho do Sapatour e o indicou na categoria Aposta MIAW. Inclusive, alguns stories com o grupo foram produzidos pela equipe do canal. Editorialmente, a MTV aborda uma comunicação de espírito democrático com total despojamento de preconceitos. A programação do canal trata, de maneira direta ou indiretamente, de orientações sexuais e identidades de gênero em diferentes programas, como 'Saindo do Armário em 60', '#PQ Mulher',  '#Valepratodxs', 'AYTO Valepratodx' - primeiro reality show que reúne participantes com orientação sexual fluida. Pedimos desculpas pelo inconveniente causado ao grupo".