Tamanho do texto

Kelsey Turner está sendo acusada de assassinar um psiquiatra. O corpo foi encontrado no início de março e a modelo foi presa no último dia 21

A modelo da Playboy , Kelsey Turner, foi presa na Califórnia acusada por assassinato. O psiquiatra de 71 anos, Thomas Burchard, foi encontrado morto no começo de março no porta-malas de um carro no estado de Nevada, nos Estados Unidos.

Leia também: Suspeito de assassinar rapper XXXTentacion é detido pela polícia dos EUA

Kelsey Turner, modelo da Palyboy italiana, foi presa nos EUA sob suspeita de assassinar um psiquiatra
Reprodução/Twitter
A modelo da Playboy, Kelsey Turner, foi presa em 21 de março nos Estados Unidos sob suspeita de assassinar um psiquiatra


As autoridades informaram na última quinta-feira (28) que a modelo da Playboy foi presa em 21 de março depois que as investigação da morte do psiquiatra levaram até ela. Kelsey Turner foi localizada pela força tarefa do FBI em Las Vegas.

O corpo de Thomas Burchard foi descoberto no dia 7 de março, perto de uma reserva natural. Um pedestre percebeu que uma pedra havia sido jogada através da janela do carro.

Leia também: Donald Trump declara que FBI vai revisar o caso Jussie Smollett: "revoltante"

Foi concluído que o psiquiatra morreu depois ter sido agredido na cabeça e está sendo tratada pela polícia como homicídio. Thomas trabalhava há quase 40 anos para a fundação filantrópica Montage Health.

O instituto divulgou uma nota lamentando a tragédia: “É uma situação muito triste e nossos corações estão com a família, amigos e pacientes. Estamos informando aos seus pacientes e fornecendo aconselhamento de luto para os funcionários”.

Leia também: Curiosidade mórbida? Assassinato da atriz Sharon Tate domina o cinema em 2019

O nome e a foto de Kelsey são os mesmos de um perfil no Facebook onde ela se descreve como uma modelo que faz ensaios sensuais, incluindo o site da revista Playboy da Itália.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.