Tamanho do texto

O ator conhecido por seu papel na série mexicana "Rebelde" e também em "Sense8", da Netflix, aderiu a campanha contra o candidato brasileiro

Em seu perfil no Instagram, o cantor e ator Alfonso Herrera , o Miguel de "Rebelde" e Hernando, em "Sense8", compartilhou na última quinta-feira (20) um post contra o candidato à presidência no Brasil, Jair Bolsonaro , do PSL. Nos comentários, fãs brasileiros elogiaram o apoio do artista.

Leia também: Anitta desabafa após reação dos fãs: "Respeitem o próximo e suas decisões"

Alfonso Herrera, ator de
Reprodução/Instagram
Alfonso Herrera, ator de "Rebelde" e "Sense8", adere campanha contra Bolsonaro nas redes sociais


Conhecido por atuar na série mexicana " Rebelde ", o artista compartilhou nas redes sociais o apoio contra o candidato que está disputando as eleições presidenciais no Brasil. O post acompanha a imagem com o escrito "Ele Não", juntamente da capa da revista britânica "The Economist" que descreve Bolsonaro como uma ameaça ao Brasil e à América Latina. A legenda do post é o link da matéria que também é possível ler pela web. 

Leia também: Famosas aderem campanha anti-Bolsonaro na web e se manifestam contra o candidato

Com mais de 2,3 milhões de seguidores, o post já alcançou mais de 86 mil curtidas e ultrapassou os 21 mil comentários. Em alguns, os seguidores agradecem o apoio da estrela. "Obrigada pelo apoio! #Elenão", escreveu uma seguidora. "Thank you so much. We need as much support as we can at this moment (Muito obrigado. Precisamos de todo apoio que pudermos nesse momento), disse outro em inglês. "Cada dia mais orgulhosa de você! ❤️ #eleNUNCA", disse uma terceira. 

Leia também: Bruna Marquezine se posiciona contra Bolsonaro e se previne de ataques na web

Visualizar esta foto no Instagram.

https://econ.st/2NtpyXS

Uma publicação compartilhada por Alfonso Herrera (@ponchohd) em


Após " Rebelde ", Alfonso Herrera conquistou cada vez mais seguidores por atuar na série da Netflix, "Sense8" e também no seriado "O Exorcista". 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.