Tamanho do texto

Aparentemente irritada e totalmente contra as palavras da atriz, Debra Messing disse no Twitter que Susan Sarandon não sabia o que estava falando

Susan Sarandon afimou que  “ Donald Trump inspirou mais mulheres e pessoas étnicas a concorrer aos cargos oficiais” em uma entrevista à Variety. Contudo, o posicionamento político de Sarandon irritou a atriz Debra Messing , que se manifestou contra o assunto no Twitter.

Leia também:Atriz Susan Sarandon é presa em manifestação contra políticas de Trump

Susan Sarandon
Reprodução
Susan Sarandon

Aparentemente irritada e totalmente contra as palavras de Susan Sarandon , Debra Messing disse no Twitter que a atriz não sabia o que estava falando. “Cale a boca, Susan. Ah, sim, por favor, vamos dar crédito ao Trump. Como você pode sair às ruas?”, começou ela.

Leia também:Atriz pornô Stormy Daniels vai publicar livro sobre sua relação com Donald Trump

“Convença a si própria que esta catástrofe de Presidente que você disse que seria melhor que Hillary Clinton não está tirando as crianças dos pais que buscam asilo, segurando as crianças que estão, por tempo indefinido, em campos de concentração com a sua nova política, destruindo todas as tentativas de proteger o nosso meio ambiente (sim, a água com a qual você mesma se preocupou), com animais ameaçados, tirando o acesso das mulheres aos cuidados de saúde e abordo legal e com segurança”, continuou a atriz.

Debra Messing detona Trump

Debra Messing detona Trump
Reprodução/Twitter
Debra Messing detona Trump

Nas publicações, a atriz de Will and Grace ainda disse que o atual presidente dos Estados Unidos destruiu a relação do país com aliados. “Sem falar na destruição de toda a boa vontade e os relacionamentos aliados em todo o mundo. Ah, e você não deve esquecer a Síria, a Crimeia e colocar a agenda da pro-Rússia antes das prioridades dos Estados Unidos”.

Messing terminou dizendo que Susan não tem coragem de admitir que errou ao pensar que Donald Trump seria um candidato melhor que Hillary. “Fora o desespero e o pânico para a destruição da alma do nosso país. Mas você não quer olhar essa parte da equação. Porque você teria que admitir estar redondamente enganada quando disse que Hillary Clinton era mais perigosa do que Trump".

“Somente uma pessoa narcisista continuaria a defender isso e – na face da dor e da agonia dos americanos – não se mostrar arrependida e nem pedir desculpas por sua parte nesta catástrofe. Mas você é a Susan”, finalizou a atriz.

Leia também: Neto de Susan Sarandon tem traumatismo craniano após grave acidente

Susan Sarandon rebate críticas de Messing

Susan Sarandon rebate críticas de Messing
Reprodução/Twitter
Susan Sarandon rebate críticas de Messing

Após a sequência de críticas, Susan rebateu a atriz dizendo que sua fala não tinha a conotação certa na matéria da Variety.“Debs, antes de você se convencer do que falei, clique no vídeo e ouça o que eu realmente disse, não acredite neste título caça-cliques da Variety, que não tem aspas corretas. Fica a dica”.

“Eu entendo o motivo da manchete caça-cliques da Variety ser perturbadora, mas depois de assistir ao vídeo você verá que não foi isso que eu disse. Agora você está irritada, use essa energia para ligar para o Collins, Murkowski e os senadores que ainda estão ainda em cima do muro”, concluiu Susan Sarandon.

    Leia tudo sobre: Donald Trump
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.