Tamanho do texto

O ator Jason Momoa fez uma piada com estupro ao falar sobre seu personagem na série durante a Comic-Con 2011 e vídeo voltou à tona esta semana sob à luz das denúncias envolvendo o produtor Harvey Weinstein

Depois de uma onda de denúncias a respeito de assédio e estupro contra o produtor Harvey Weinstein nos últimos dias em Hollywood e, mais tarde, o resgate de casos envolvendo o ator Ben Affleck nas redes sociais, agora foi a vez de Jason Momoa, interprete de Khal Drogo na série da HBO “Game Of Thrones” e também o Aquaman do cinema ter o seu comportamento colocado sob os holofotes.

Em Game Of Thrones, o personagem de Jason Momoa estupra o de Emilia Clarke, Daenerys
Reprodução
Em Game Of Thrones, o personagem de Jason Momoa estupra o de Emilia Clarke, Daenerys


Leia também: Saudades de “Game of Thrones”? 10 séries para assistir enquanto GoT não volta

Durante uma conferência de uma Comic Con nos Estados Unidos em 2011, ano de estreia da série, o ator soltou uma piada no mínimo infeliz, arrancando diversas risadas do público presente. “Eu amei trabalhar em Game of Thrones porque pude estuprar lindas mulheres”, disse Jason Momoa , em referência à cena de abuso entre seu personagem e o de Daenerys (Emilia Clarke).

Leia também: HBO vai gravar diferentes finais para "Game Of Thrones"

O video repercurtiu nas redes sociais na última quinta-feira (12) levando diversas fãs da série a ficarem revoltadas com as alegações do ator.

Leia também: Atores de "Game Of Thrones" já têm scripts de última temporada em mãos

Pedido de desculpas

Após a repercussão, Momoa utilizou as redes sociais para se desculpar pela frase de seis anos atrás. “Eu acordei na Austrália e recebi as reações indignadas e justificadas de muitas pessoas a uma piada de mau gosto que fiz no Hall H em anos atrás. Por isso, eu peço desculpas. Eu continuo completamente desapontado comigo mesmo por causa do caráter insensível dos comentários que fiz naquele dia. Eu sei que minhas sinceras desculpas não vão apagar aquelas palavras dolorosas”, escreveu. “Estupro e assédio sexual pode atingir qualquer um e eu vi em primeira mão o que ele pode fazer com as pessoas, graças às experiências de amigos e familiares. Eu fiz um comentário de muito mau gosto. Isso é inaceitável e eu peço desculpas sinceras com um coração pesado pelas palavras que disse”, concluiu Jason Momoa. Nos comentários, algumas fãs reconhecem a atitude do ator como algo positivo e outras afirmam ainda estar desapontadas com a situação.   

I APOLOGISE Aloha j

A post shared by Jason Momoa (@prideofgypsies) on

 Leia também: Jason Momoa busca o sucesso com "Conan"

    Leia tudo sobre: Game Of Thrones
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas