Alec Baldwin
Reprodução/IMDB
Alec Baldwin

Foi realizada na tarde desta quarta-feira a primeira entrevista coletiva sobre o caso envolvendo o  ator Alec Baldwin, que na semana passada disparou um tiro acidental fatal contra a diretora Halyna Hutchins  no set do filme "Rust". O xerife do condado de Santa Fé, Adan Mendoza, e a promotora Mary Carmack-Altwies participaram do encontro com jornalistas.

Mendoza confirmou que Baldwin utilizava uma arma carregada com munição real que não deveria estar no set e disse que "ainda é muito cedo para comentar acusações" já que a investigação ainda está em andamento.

"Vamos determinar como essa arma chegou lá, onde não deveria estar", afirmou o xerife, que ressaltou que todos os envolvidos tem cooperado com a apuração.

Leia Também

Relembre o caso

O ator Alec Baldwin teria disparado tiros, acidentalmente, durante as filmagens de seu próximo filme, o faroeste "Rust", matando a diretora de fotografia, Halyna Hutchins, de 42 anos, e ferindo o diretor do filme, Joel Souza, de 48. Segundo Juan Rios, porta-voz do gabinete do xerife no Condado de Santa Fé, no Novo México, local das gravações, as circunstâncias do tiroteio estão sendo investigadas.

Rios disse que o tiroteio no Rancho Bonanza Creek aconteceu no meio de uma cena que estava sendo ensaiada. "Estamos tentando determinar, agora, como e que tipo de projétil foi usado na arma de fogo", disse ele, acrescentando que as autoridades não haviam entrado com nenhuma acusação contra ninguém da equipe de produção

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários