O rapper Kanye West usou sua conta no Twitter nesta quarta-feira para uma série de ataques à indústria fonográfica. O mais impactante deles dura oito segundos e mostra um dos 21 Grammys de Kanye dentro de uma privada. Enquanto urina no troféu, ouvimos o rapper dizer: “Acredite em mim… não vou parar”.

Kanye West e o prêmio na privada
Reprodução
Kanye West fez xixi em prêmio e postou várias críticas a indústria da música


Antes de bradar “Todos os artistas serão livres”, Kanye também postou uma sequência de mais de 100 fotos de folhas de seus 10 contratos com a gravadora Universal. Ele exige que a companhia revele quanto valem seus fonogramas, para que possa comprá-los. “Será que a Universal vai me ligar ... Prometo que tenho mais ideias ... Não vou parar”, provocou.


Kanye tirou o dia para criticar o sistemas contratuais entre gravadoras e artistas, que ele classificou de “escravidão moderna”. “Todos na Universal e Vivendi, por favor, compreendam que vou fazer tudo com meu poder legal e usar minha voz até que todos os contratos de artista sejam alterados”, escreveu.

Em seguida, pediu que outros músicos espalhassem suas mensagens. “Bono, posso contar com o seu retweet? Drake, Kendrick, até a Taylor… Precisamos de você agora”, pediu, apelando aos popstars Drake e Kendrick Lamarr. O “até a Taylor” se justifica pelo longo histórico de brigas entre o rapper e a cantora Taylor Swift, que também está brigando com seu antigo selo pelo direito de cantar suas próprias músicas.


Este ano tem sido de grandes causas para Kanye. Além da luta pela mudança dos contratos com gravadoras, ele se lançou candidato à presidência dos Estados Unidos com uma plataforma em que se destaca sua luta contra uma eventual vacina de combate ao Covid-19. Até o momento, já gastou mais de US$ 7 milhões na campanha, mas suas contas estão sob investigação.

Recentemente, sua mulher, a celebridade Kim Kardashian, pediu compaixão dos críticos às ideias nem sempre concatenadas de Kanye. "Como muitos de vocês sabem, Kanye tem transtorno bipolar", escreveu ela, classificando o marido como uma "pessoa brilhante, mas complicada".

    Veja Também

      Mostrar mais