O Coachella foi adiado por causa do coronavírus . A organização do evento, que é um dos maiores festivais de música dos Estados Unidos, anunciou as novas datas nesta terça-feira (10). 

Leia também: Coronavírus: de Cannes a Coachella, como ficam grandes eventos com a epidemia?

Coachella arrow-options
Divulgação
Philip Anschutz, dono da empresa organizadora do Coachella, é acusado de financiar grupos de extrema-direita nos Estados Unidos


Leia também: Romance, briga e disfarce marcam passagem de Bruna Marquezine no Coachella

Antes, o Coachella aconteceria dos dias 10 a 12 e 17 a 19 de abril. Agora, com a epidemia do novo vírus, o festival foi remarcado para 9 a 11 e 16 a 18 de outubro.

Leia também: Incêndio no Coachella assusta público, mas festival não é interrompido

E o Coachella não foi o único evento afetado pela doença. Madonna, Pearl Jam, Miley Cyrus e Neil Young também mudaram suas datas, e até cancelaram seus shows, por causa do coronavírus.

    Veja Também

      Mostrar mais