Tamanho do texto

Procurado pela polícia, Eduardo Fauzi fugiu para Moscou no último dia 29.

O suspeito de ter cometido o ataque à sede da produtora do grupo humorístico Porta dos Fundos no Rio de Janeiro na véspera do último Natal, Eduardo Fauzi, embarcou para Moscou, na Rússia. As informações são da TV Globo.

Leia também: Em vídeo, suspeito de ataque chama humoristas do Porta dos Fundos de bandidos

O especial de Natal arrow-options
Divulgação
O especial de Natal "A Tentação de Cristo" do Porta dos Fundos



Leia também: Suspeita de esfaquear a própria mãe, atriz de "Capitão América" é presa

Ele viajou na tarde do dia 29 de dezembro para Paris partindo do Aeroporto Internacional Tom Jobim, no Rio, um dia antes da expedição do mandado de prisão por conta do ataque contra o Porta dos Fundos . Fauzi tem uma namorada russa. 

Leia também: Morre Ari Behn, escritor que acusou Kevin Spacey de assédio

A polícia pediu nesta quinta a inclusão do nome dele na lista de procurados pela Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol).

O especial de Natal "A Tentação de Cristo" dos humoristas do Porta dos Fundos , exibido pela Netflix, motivou o ataque a produtora por retratar jesus gay e debochar de dogmas cristãos.