Tamanho do texto

Cantora apresentou projeto nacional na capital mineira e show terminou em confusão, com arrastão e problemas de segurança

O show de Marília Mendonça em Belo Horizonte (MG) na última segunda-feira saiu do controle e pode render uma denúncia a equipe da cantora. De acordo com o jornal O Tempo , a polícia militar e os bombeiros irão acionar o Ministério Público pelos problemas de segurança enfrentados no show.

marilia mendonca arrow-options
Divulgação
Marília Mendonça

Parte do projeto “Todos os Cantos”, Marília Mendonça visitou a capital mineira, onde, assim como em outras cidades anteriormente, fez um curto show gratuito em um local público da cidade. A expectativa para o show era receber 15 mil pessoas, mas 100 mil mineiros decidiram apoiar a cantora.

Leia também: “Tem muita sofrência vindo pela frente”, promete Marília Mendonça sobre carreira

De acordo com pessoas que estavam no local, o show correu bem, inclusive a apresentação da nova música, Graveto , mas no final uma confusão tomou conta, com pessoas subindo em semáforos e inúmeros relatos de arrastões.

Tanto a polícia militar quanto o corpo de bombeiro enviaram relatórios para o MP com as ocorrências registradas no show. Com isso, os organizadores podem ser acusados de irresponsabilidade civil, penal e administrativa.

Leia também: Cachaça, choro e mais: tudo o que veremos no documentário de Marília Mendonça

Em nota para a imprensa, Marília Mendonça disse “lamentar os fatos relatados” e reforçou que a organização seguiu “todas as orientações das autoridades locais”. Em seu Instagram, ela publicou alguns vídeos da noite, celebrando o público presente.