Tamanho do texto

Ao lado dos músicos Eric Clapton e Jack Bruce, Ginger montou o Cream em 1966. A causa da morte não foi revelada pela família

Ginger Baker, lendário baterista que fundou Cream com o guitarrista Eric Clapton e o baixista Jack Bruce em 1966, morreu neste sábado (05), no Reino Unido, aos 80 anos.

Leia também: Entre forró e brega funk - as versões mais diferentes do k-pop

ginger baker arrow-options
Reprodução/ Facebook
Ginger Baker, Eric Clapton e Jack Bruce formaram o Cream em 1966

Leia também: Fiscalização encontra equipe dormindo embaixo do palco no Rock in Rio

A família confirmou a morte no perfil do músico no Twitter, no hospital onde estava internado desde setembro. A causa da morte não foi revelada. No tweet, a família diz que Ginger Baker morreu "serenamente" no hospital e agradece pelo apoio recebido nas últimas semanas.

Nascido em 1939, em Lewisham, sudoeste de Londres,  Baker teve aulas na adolescência com o baterista de jazz Phil Seaman. Do jazz, o músico seguiu para o blues e o R&B, e integrou, em 1960, o grupo The Graham Bond Organization, onde conheceu Jack Bruce.

Em 1966, os dois se juntaram ao guitarrista e compositor Eric Clapton no Cream, banda que está entre os mais influentes do rock nos anos 1960, mesclando influências de diversos gêneros. "Wheels of fire", terceiro álbum de estúdio da banda, lançado em 1968, foi o primeiro álbum duplo do mundo a ser disco de platina.

cream arrow-options
Reprodução/ Facebook
O grupo Cream foi uma das grandes bandas de rock dos anos 60. Jack Bruce, Eric Clapton e Ginger Baker (da esquerda para direita)

Leia também: Funk Orquestra agita Rock in Rio com Buchecha, Fernanda Abreu e Ludmilla

Nenhum dos ex-companheiros de música de Ginger Baker se pronunciaram até o momento sobre a morte do artista.