Tamanho do texto

Ator, que gerou debate por conta de seu comportamento nos bastidores do longa, participou de programa de TV que exibiu briga durante gravações

O ator Joaquin Phoenix participou do talk-show de Jimmy Kimmel, nos EUA, para promover “Coringa”, que estreia no Brasil nesta quinta-feira (03). Em uma conversa de pouco mais de 10 minutos, ele falou sobre suas habilidades na dança e relembrou sua preparação para viver o vilão da DC.

Leia também: Máscaras e fantasias serão proibidas nos cinemas dos EUA por causa de "Coringa"

joaquin phoenix em talk show arrow-options
Reprodução
Joaquin Phoenix no programa de Jimmy Kimmel

Mas, quase no final, Jimmy mostra um vídeo com cenas de bastidores onde Joaquin Phoenix discute com um diretor de cena. Usando a maquiagem do personagem, ele aparece discutindo com um homem chamado Larry. Ele o xinga e rebate seus comentários, antes de decidir sair do set.

Leia também:Joaquin Phoenix perdeu mais de 23 quilos para viver o Coringa

"Desculpa, não é nada demais, nada demais (...) Você que começou com esse lance de Cher, Larry. Sim, sou uma porra de diva”, ele diz no vídeo, depois de ser comparado com a Cher por Larry. Visivelmente constrangido, Phoenix tentou explicar a situação: “às vezes filmes ficam intensos, porque são muitas pessoas em lugares pequenos e você está tentando encontrar algo. E isso era para ser privado. Desculpe por isso".

Assista a entrevista de Joaquin Phoenix (a cena começa por volta de 8:22):

Leia também: Emocionado, Joaquin Phoenix faz homenagem ao irmão durante discurso

Coringa ” é dirigido por Todd Phillips e se envolveu em algumas polêmicas antes mesmo de sua estreia. Aclamado em Veneza, o filme levou o Leão de Ouro de melhor Filme, e é um forte concorrente ao Oscar, principalmente a atuação de Joaquin Phoenix .