Tamanho do texto

Filme não tem mais previsão de estreia no País. Produtores dizem que o cancelamento se deve à falta de cumprimento de exigências da Ancine

"Marighella" , que tinha lançamento agendado para 20 de novembro , dia da consciência negra, teve sua estreia cancelada no Brasil. O filme, que marca a estreia de Wagner Moura na direção de longas-metragens, acompanha a trajetória de Carlos Marighella e seria lançado no aniversário da morte do guerrilheiro.

Marighella arrow-options
Divulgação
Marighella é selecionado para mais quatro festivais internacionais

Em nota enviada à imprensa, os produtores creditam o cancelamento à demora no trâmite das exigências junto à Ancine (Agência Nacional do Cinema) para viabilizar o lançamento na data agendada. Não foi divulgada uma nova data.

O longa estreou no Festival de Berlim em fevereiro e, desde então, Wagner Moura tem externado preocupações acerca da possibilidade de não conseguir lançar o filme no Brasil . O ator e diretor também tem feito duras críticas a Bolsonaro e seu governo.

"' Marighella' segue sendo apresentado com muitos sucesso em vários festivais de cinema no mundo. Nosso objetivo principal sempre foi a estreia no Brasil. Os produtores e a distribuidora Paris Filmes vão seguir trabalhando para que isso aconteça", encerra a nota.