Tamanho do texto

Nova série documental produzida pela Netflix mostra a história de Wallace de Souza, acusado de crimes para manter audiência de seu programa

Desde que “Bandidos na TV”, da Netflix, chegou ao catálogo da plataforma, este é um dos assuntos mais comentados da internet, principalmente por se tratar de uma série documental sobre um assunto polêmico.

Leia também: Alvo de polêmica, documentário sobre cenário político brasileiro ganha trailer

Bandidos na TV
Divulgação/Netflix
Bandidos na TV


Produzida pela Netflix , a atração conta a história de Wallace de Souza , que foi deputado de Manaus e acusado de comandar vários assassinatos no estado para aumentar a audiência do programa que apresentava, o “Canal Livre”, na década de 1990.

Para entender: o programa era bem parecido com o formato do “Programa do Ratinho”, do SBT , mas com o foco em reportagens de cunho policial, como denúncias e crimes, por exemplo. A atração com viés sensacionalista explorava a violência urbana e mostrava, sem pudores, cadáveres ensanguentados ou carbonizados.

Leia também: Veja pontos de São Paulo que aparecem na quinta temporada de "Black Mirror"

No entanto, o apresentador, morto em 2010, virou alvo de sérias acusações, como a de comandar o crime organizado em Manaus. Wallace ainda foi acusado de mandar assassinar traficantes e viciados em drogas para usar os casos em seu programa, para obter maior audiência.

Sucesso desde que foi lançada, “ Bandidos na TV ” se tornou assunto nas mídias internacionais. Abaixo, mostramos o que os gringos têm comentado sobre a série documental.

  • Cosmopolitan
Bandidos na TV
Reprodução/Youtube
Bandidos na TV


“Isso se parece mais como um episódio de ‘Black Mirror’ do que a vida real. Era um programa sobre crimes, mas eles também jogavam algum conteúdo mais leve, como aqueles bonecos ofensivos, para manter as coisas frescas. Se você conseguir imaginar, fica mais chocante daqui pra frente”.

  • The Guardian
Bandidos na TV
Reprodução/Youtube
Bandidos na TV


“Imagine uma combinação brasileira de David Attenborough, Sherlock Holmes e Barack Obama, e Wallace de Souza parecia, em 2009, ter se tornado isso (...) No entanto, o efeito dessa incerteza de Wallace ser culpado ou não é transformar os espectadores em jurados, como é frequente em casos de crimes na vida real”, declarou o jornal britânico.

  • Daily Dot
Bandidos na TV
Reprodução/Youtube
Bandidos na TV


“O maior problema da série, é o próprio Souza. Ele era carismático, apaixonado e parecia ser um herói para os negligenciados. Ele era magnético na câmera. As pessoas o amavam (...) Às vezes, a série é perspicaz e dá aos espectadores uma visão detalhada do que é preciso para derrubar alguém com grande poder”.

  • Reddit
Bandidos na TV
Reprodução/Youtube
Bandidos na TV

Já no Reddit, fórum on-line popular nos EUA, a grande questão é: por qual motivo, razão ou circunstância, o rapaz do fantoche sai nos tapas com o tal “Gil da Esfirra”? No meio de um dos programas, os dois se agridem, aleatoriamente, enquanto um cantor continua se apresentando, como se nada estivesse acontecendo.

Leia também: Fim de "Jessica Jones" e séries nacionais ganham relevo na Netflix em junho


Vale lembrar que a série da Netflix já está disponível no catálogo da plataforma de streaming.