Tamanho do texto

Terceira temporada da sátira estrelada por Drew Barrymore e Timothy Olyphant submete protagonistas a demandas e crises ainda mais agudas

Uma das comédias mais intransigentes e ácidas no ar atualmente, “Santa Clarita Diet” voltou para sua terceira temporada na Netflix ainda mais engraçada, divertida, crítica e inteligente.

Leia também: Filme com Ben Affleck e série brasileira são destaques da Netflix em março

Drew Barrymore, Timothy Olyphant e Natalie Morales em Santa Clarita Diet
Divulgação
"Santa Clarita Diet" volta mais ácida e inteligente na 3ª temporada

Criada por Victor Fresco, que participou criativamente de produções como “My Name is Earl” (2005-2009) e “Mad About You” (1992-1999), “  Santa Clarita Diet  ” se notabiliza por ser uma sátira aguda, e politicamente incorreta, da classe média suburbana norte-americana.

Drew Barrymore e Timothy Olyphant estrelam como Sheila e Joel Hammond, um casal de corretores que tem a vida totalmente abalada depois que a mulher adquire um vírus de origem eslovaca que a faz comer carne humana.

O canibalismo e a nova realidade assassina da mulher foi o ponto de partida da  série  lá na primeira temporada , mas o programa soube evoluir a contento. No terceiro ano, as demandas inusitadas se avolumam e atrapalham a harmonia do casal.

Leia também: Netflix anuncia nova ficção distópica brasileira; Carla Salle vive protagonista

Desde o fim do estoque de nazistas congelados à promessa de vida eterna, passando por uma policial lésbica fanática religiosa que pensa que Sheila é a encarnação do Messias e um general eslovaco que tenta rentabilizar em cima da vida eterna, tudo se ajusta geometricamente Às questões da rotina de um casal suburbano.

O casal coadjuvante em cena também rende bons momentos. O ótimo Skyler Gisondo continua roubando cenas como o atabalhoado Eric, mais confiante, mas sem deixar de ser inseguro, neste novo ciclo. Já Abby (Liv Hewson) começa a perceber que talvez sinta algo mais pelo rapaz. No meio tempo, eles precisam se desviar de uma investigação do FBI sobre o atentado motivado por razões ambientais que encerrou a temporada anterior.

A química do elenco funciona perfeitamente e mesmo aqueles com participações menores, casos de Mary Elizabeth Ellis, que faz a mãe de Eric, ou Nathan Fillion, a cabeça ambulante mais engraçada da cultura pop, garantem bons momentos e ótimas piadas.

Leia também: Netflix confirma segunda temporada de "The Umbrella Academy"

De olho no futuro

Drew Barrymore e Timothy Olyphant em Santa Clarita Diet
Divulgação
Drew Barrymore e Timothy Olyphant em Santa Clarita Diet


A maneira como a série interlaça seus conflitos e estrutura seu futuro – a confirmação da quarta temporada ainda está pendente – é outro trunfo. Tudo se dá com muita organicidade. “  Santa Clarita Diet  ” é um triunfo completo. Isso porque tem consciência plena do que visa radiografar, do que comporta o riso, e de como fazê-lo. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.