Tamanho do texto

Premiação musical acontece neste domingo (10) e terá homenagem a Aretha Franklin e Ariana Grande excluída por briga com a produção

O Grammy 2019 vai acontecer neste domingo (10) com Alicia Keys apresentando pela primeira vez. A cantora, que já ganhou 15 vezes ao longo de sua carreira, vai assumir o papel que foi de James Corden nos últimos dois anos.

Grammy 2019 não terá a presença de três dos principais indicados. Premiação tenta recuperar rpestígio
Reprodução
Grammy 2019 não terá a presença de três dos principais indicados. Premiação tenta recuperar rpestígio

Os principais indicados no Grammy 2019 são Drake e Kendrick Lamar, o segundo contemplado pela trilha-sonora de “Pantera Negra”. Os dois, porém, se recusaram se apresentar no evento de acordo com o The New York Times.

O jornal entrevistou o produtor do show, Ken Ehrlich, que confirmou que ambos, assim como Childish Gambino, foram convidados para se apresentar no evento, mas recusaram. Nem a presença deles na premiação foi confirmada. A decisão é alinhada com outros artistas, a maioria negros, que tem boicotado o evento por falta de diversidade nos últimos anos.

Com discos celebrados e de sucesso, como “Damn!” de Lamar e “Lemonade” da Beyoncé sem vitórias, o evento foi aos poucos perdendo seu prestígio em parte da comunidade artística, colocando em cheque sua relevância. Jay-Z, Frank Ocean, Justin Bieber e próprio Drake já boicotaram o Grammy antes.

Curiosamente, os artistas com mais indicações nessa edição são majoritariamente negros, incluindo ainda Cardi B (com seis indicações) e a novata H.E.R (cinco indicações). Ainda assim, especialistas apontam que a vitória nas principais categorias deve ir para a cantora country Brandi Carlile, que lançou “By The Way, I Forgive You” em 2018.

Apresentações

Lady Gaga é a principal aposta do Grammy 2019 para tentar suprir desistência de estrelas
Divulgação
Lady Gaga é a principal aposta do Grammy 2019 para tentar suprir desistência de estrelas

Entre os principais indicados, Cardi B e Lady Gaga, contemplada pela trilha sonora de “Nasce Uma Estrela”, se apresentarão. Gaga estará ao lado de Mark Ronson e, embora a maioria das categorias sejam relacionadas ao filme, ela conseguiu uma indicação por “Joanne”. A surpresa ficará por conta de qual faixa eles apresentarão, mas não deve ser Shallow , já que o hit será apresentado no Oscar.

Entre os artistas que já estão confirmados para se apresentar no evento estão ainda Dua Lipa, St. Vincent, Chloe x Halle, Travis Scott, Red Hot Chili Peppers, Janelle Monáe, Post Malone e Shawn Mendes. A abertura vai ter clima latino, com Camila Cabello dividindo o palco com J. Balvin e Ricky Martin. Diana Ross também subirá ao palco para apresentar alguns de seus maiores sucessos.

Novidades

BTS, grupo sul-coreano, conseguiu uma rara indicação e pode sair premiado no domingo (10)
Divulgação
BTS, grupo sul-coreano, conseguiu uma rara indicação e pode sair premiado no domingo (10)

Um dos momentos já aguardados pelos fãs é a participação do BTS, que irá apresentar uma categoria. Feito raro para um grupo sul-coreano, eles ainda são indicados na noite por “Love Yourself: Tear”.

Além deles, muitos dos indicados da noite podem levar o gramofone dourado para casa pela primeira vez. É o caso de Bjork, Backstreet Boys, Demi Lovato e Fall Out Boy. Shaw Mendes, Cardi B e SZA estão estreando na premiação, além do rapper Mac Miller, que recebeu uma indicação póstuma.

Esnobada e mais briga

Depois de lançar singles que foram direto ao 1º lugar das paradas, Ariana Grande desistiu de se apresentar no Grammy 2019 e criticou produtor do evento
Reprodução/Instagram
Depois de lançar singles que foram direto ao 1º lugar das paradas, Ariana Grande desistiu de se apresentar no Grammy 2019 e criticou produtor do evento

Katy Perry, constantemente lembrada de que nunca ganhou um Grammy, vai dar as caras no evento e se apresentar em um tributo a Dolly Parton. Mas, outro boicote, dessa vez do pop, mais uma vez criou uma sombra na relevância da premiação.

Ariana Grande não entrou em acordo com a organização do evento e ficará de fora da 61ª edição. Ela concorre em seis categorias e queria apresentar seu último single, 7 Rings . De acordo com fontes do Daily Mail , a organização não autorizou a execução da faixa, o que fez com que a cantora desistisse inclusive de aparecer no evento.

Ehrlich também falou sobre a desistência da cantora na entrevista, dizendo que ela decidiu não se apresentar pois sentiu que “era tarde demais” para fazer a performance da maneira que queria. Ariana Grande, no entanto, negou  a versão do produtor e disse que sua “criatividade e autenticidade foram sufocadas” por ele.

Homenagens

Aretha Franklin receberá homenagem póstuma no Grammy 2019
Reprodução/Youtube
Aretha Franklin receberá homenagem póstuma no Grammy 2019

Duas grandes artistas serão homenageadas no evento este ano. A primeira delas e a rainha do country Dolly Parton. Ela apresentará suas músicas ao lado da afilhada Miley Cyrus, além de Katy Perry e Linda Perry.

Mas, o grande tributo da noite será em homenagem a Rainha do Soul, Aretha Franklin, morta em agosto de 2018. Três nomes do R&B americano atual, Audra Day, Fantasia Barrino-Taylor e Yolanda Adams ficarão incumbidas de relembrar os sucessos de Franklin, que ao longo da carreira ganhou 28 estátuas.

Prestígio e futuro do Grammy

Frank Ocean liderou a onda de boicote dos últimos anos, depois de retirar seu disco da competição por
Divulgação
Frank Ocean liderou a onda de boicote dos últimos anos, depois de retirar seu disco da competição por "não se sentir representado" pela Academia

A Academia Nacional de Artes e Ciências de Gravação vive no momento algo similar com o que a Academia Cinematográfica viveu há alguns anos e tenta se recuperar. A falta de representatividade em todas as categorias do Oscar geraram a campanha “Oscar So White” e, desde então, eles são pressionados para aumentar a diversidade dos votantes e indicados.

Na música, porém, eles não parecem querer seguir o exemplo, e insistem nos mesmos “medalhões” votando e impactando nos indicados e vencedores. Frank Ocean, que foi um dos primeiros a boicotar o evento e não submeteu o disco “Blondie” para indicações, disse na época que não se sentia representado pelo Grammy.

O resultado veio na prática: a edição de 2018 do teve uma queda de seis milhões de espectadores em relação ao ano anterior. Com exceção de 2017, com Beyoncé e Adele como estrelas, a audiência do evento tem caído anualmente. Para mudar isso, a Academia de Gravação terá que ouvir os artistas, ou corre o risco de perder a relevância.

Leia também: Grammy mais negro da história tenta superar racismo velado da premiação

O Grammy 2019 ocorrerá no próximo domingo (10) em Los Angeles, nos EUA. Ao todo, são 84 categorias, mas apenas uma pequena parcela será entregue ao vivo. No Brasil, a cerimônia será transmitida na TNT a partir das 23h.

    Leia tudo sobre: músicas
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.