Tamanho do texto

Astros do filme, em entrevista veiculada com exclusividade pelo iG Gente, falam do prazer de trabalhar com James Wan, da interação de seus personagens e a expectativa com a estreia do filme do herói da DC no mundo

Depois de muita expectativa e uma exibição barulhenta que gerou comoção na CCXP 2018, “Aquaman” chega aos cinemas brasileiros nesta quinta-feira (13). Jason Momoa, que vive o personagem-título, e Amber Heard, que dá vida a Mera, falam na entrevista a seguir, cedida com exclusividade ao iG , sobre o processo criativo, a grandeza da visão de James Wan e as expectativas sobre a recepção do público.

Amber Heard e Jason Momoa falam sobre modernidade presente na abordagem dos super-heróis em
Divulgação/IMDB
Amber Heard e Jason Momoa falam sobre modernidade presente na abordagem dos super-heróis em "Aquaman"

 Leia também: Você sabia? Jason Momoa, o Aquaman, quase entrou para o universo Marvel

“Eu fiquei trepidante”, confessa  Amber Heard  sobre o convite para integrar o elenco de “Aquaman”. Eu não tinha qualquer familiaridade com HQs e filmes de  super-heróis  até aquele momento, então eu tinha aquela vaga imagem de uma caricatura ridiculamente supersexualizada de uma mulher, o que, sabendo nada do gênero, imaginava ser o caso. Mas quando eu mergulhei nas HQs de Aquaman, eu descobri que Mera é esse incrível rainha guerreira, que é espirituosa, independente e uma heroína nos seus próprios termos. Eu pensei: ‘Uma espada e uma coroa? Eu posso fazer isso’”.

Jason Momoa  conta que foi fazer um teste para Zack Synder sem saber para qual personagem em “Liga da Justiça”. “Eu só sabia que não seria o Batman”, recorda. Foi apenas durante o teste que ficou sabendo que estava na briga para viver o Aquaman e “hoje ter o meu próprio filme e a oportunidade de trabalhar com um visionário como James Wan... É a experiência mais envolvente e selvagem da minha vida”.

Assumindo os personagens

Amber Heard e Jason Momoa falam sobre a atuação e o envolvimento com seus papéis
Divulgação/IMDB
Amber Heard e Jason Momoa falam sobre a atuação e o envolvimento com seus papéis

Momoa conta que pode se identificar com Arthur Curry, que é meio atlante e meio humano e sofre muito com isso. Nascido no Havaí e criado no Iowa, ele sabe como é “pertencer a dois mundos e não se sentir verdadeiramente como parte de nenhum deles”.

Ele diz que o passado na infância serviu como uma inesperada referência para a abordagem do personagem. “Muitas pessoas não pensariam que eu sofri bullying na infância, mas eu sofri muito bullying onde eu cresci, então eu posso me identificar muito com isso. Eu sei o que é se senti um pária e procurar por um tutor que possa desenvolver o potencial que, lá no fundo, você sabe que tem”.

Arthur Curry é um herói relutante. Ele demora até aceitar que foi investido de responsabilidades para com os atlantes e que ele é essencial para proteger esses dois mundos. Sobre a experiência de incorporar essa vibe de bad boy, Momoa observa: “É divertido ser esse lobo solitário, rebelde e fora da lei e ter essa perspectiva sarcástica sobre tudo, mas essa é apenas a carcaça com que Arthur cobre toda a sua sensibilidade e vulnerabilidade”.

Amber Heard e Jason Momoa  e Patrick Wilson são orientados por James Wan
Divulgação/Imdb
Amber Heard e Jason Momoa e Patrick Wilson são orientados por James Wan

Amber Heard, que vive essa personagem que não só não precisa ser salva, como é vital para que Arthur assuma seu lugar no mundo, se diz feliz pela oportunidade dar vida a Mera no cinema. “Eu me sinto muito feliz de poder interpretá-la e de trabalhar com pessoas comprometidas em proteger a essência da personagem”.

A atriz vai além: “Eu não acho que falo apenas por mim quando digo que estamos cansados de ver mulheres nesse limitados e binários papeis que reduzem o que somos e podemos ser. Mera não precisa ser salva. Ela é sua própria pessoa e durona, e salva um bocado por ela mesma”.

Momoa faz festa para a amiga. “Ela é sensacional! Nós somos muito parecidos e, estranhamente, entre nós dois ela é provavelmente mais como Aquaman. Ela definitivamente tinha um papel mais difícil do que eu - ser essa princesa de Atlantis, ser tão rígida e séria o tempo todo. Eu obviamente estou emprestando muito do Jason para o Aquaman, então foi mais divertido pra mim”.

A atriz conta que seu maior desafio com Mera foi “equilibrar uma personagem que é sobrehumana, mas essencialmente humana”.

 Leia também: Vídeo estendido de "Aquaman" traz novidades  e aumenta expectativas dos fãs

A visão de James Wan

James Wan traz à tona a sua visão diante da produção
Divulgação/IMDB
James Wan traz à tona a sua visão diante da produção

Os dois atores são só elogios para James Wan, que antes de “Aquaman” já havia dirigido filmes tão díspares como “Jogos Mortais” (2004), “Invocação do Mal” (2013) e “Velozes e Furiosos 7” (2015).

“James fez um trabalho maravilhoso com o personagem e esse mundo que ele criou – Atlantis. É diferente de qualquer coisa que já tenhamos visto antes – com sete diferentes tipos de criaturas, todos os diferentes ambientes no reino marítimo e o mundo acima da superfície”, observa Momoa. “Nós vemos como os dois se relacionam e ferem um ao outro – e não é algo simplificado, preto no branco. O que eu quero dizer é que tudo que eu queria fazer com esse personagem está neste filme e eu me sinto muito afortunado e muito, muito honrado de estar aqui”.

Heard faz coro. “James não tentou explicar para a gente o que estava no cérebro dele porque francamente seria impossível. Mas vendo suas anotações conceituais, storyboards e vendo a maneira como ele organizava esse mundo, você rapidamente desenvolve o sentimento de que tem que confiar nele”.

“A melhor atriz com quem trabalhei”

Nicole Kidman é elogiada por sua atuação em
Divulgação/IMDB
Nicole Kidman é elogiada por sua atuação em "Aquaman"

O elenco coadjuvante de “Aquaman” é um luxo com nomes como Patrick Wilson, Dolph Lundgren,  Willem Dafoe e Nicole Kidman, os dois últimos na corrida pelo Oscar 2019 por outros filmes. Momoa faz questão de elogiar a todos, mas é especialmente efusivo com Nicole Kidman, que interpreta sua mãe no longa.

“Nicole é, sem qualquer esforço para admitir isso, a melhor atriz com quem eu já trabalhei. Eu nunca vi ninguém performar de diferentes maneiras e acertar em cheio toda vez”, observa o astro. “Ele pode ir do super intelectual a extrema galhofa sem errar o tom e ser totalmente imaginativa sem soar superficial ou falso. Ela é profissional do mais alto quilate e eu só estava feliz de estar ali. Foi inacreditável!”

Um filme único

O ator, que admite que não pode faltar música – e um violão – em um set que esteja trabalhando, diz que espera uma recepção calorosa ao filme. “James é um mestre em fomentar esse tipo d experiência, então é como se você estivesse vivendo essa aventura. Você vai ver muita ação, um pouco de amor, você vai rir – tem um pouco de tudo!”

 Leia também: Vingadores, Pantera Negra, Demolidor e as melhores cenas de super-heróis em 2018

Amber Heard  demonstra orgulho do projeto e uma percepção bem diferente de quando “Aquaman” lhe foi apresentado. “Eu espero que a audiência se surpreenda por essa singular e moderna abordagem de super-herói no cinema”. “Eu nunca fiz muita promoção de imprensa na minha carreira, mas esse é simplesmente o filme mais fácil de se falar a respeito porque é simplesmente um barato”, finaliza Momoa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas