Tamanho do texto

Cantor Shawn Mendes faz revelações sobre sua vida pessoal e aborda boatos sobre sua sexualidade em entrevista para a revista Rolling Stone; leia mais

Em entrevista para Rolling Stone , o cantor Shawn Mendes revelou que é usuário frequente de maconha e fala sobre sua sexualidade . A matéria foi publicada nesta segunda-feira (26).

Leia também: Shawn Mendes volta ao Brasil em show transmitido na televisão

Shawn Mendes
Reprodução/Rolling Stone
Shawn Mendes

 O jovem cantor de apenas 20 anos afirmou que sempre fuma maconha em sua casa. “Eu amo maconha.Eu não tuitaria isso, mas é muito bom para mim. Quando estou em casa, vou fumar e depois tocar violão por sete horas”, disse Shawn Mendes . Durante alguns dias que passou em Amsterdã para comemorar seu aniversário, o artista ainda disse que viu cogumelos à venda, mas que não teve coragem de experimentar. “Eu quero tanto. Acho que me ajudaria muito”.

Leia também:  Grupo americano investe US$ 100 milhões e vai controlar a revista Rolling Stone

A vida de músico não é nada fácil. Mendes admitiu que a atenção exagerada para sua vida pessoal causa muito estresse. "Eu gostaria de dizer que não me importo com isso, mas isso não é verdade", disse ele. Uma questão que é sempre abordada pela mídia é sua sexualidade: “Por exemplo, essa coisa enorme rolando na internet de pessoas especulando que eu sou gay".

Nas redes sociais, existem muito memes do cantor que fazem piadas sobre suas roupas e vídeos que examinam seus gestos.  “No fundo do meu coração, sinto que preciso ser visto com alguém, uma garota, em público, para provar às pessoas que não sou gay. Embora no fundo eu saiba que não é uma coisa ruim. Ainda há um pedaço de mim que pensa isso. E eu odeio esse lado de mim”, contou o artista.

Leia também:  Chegou ao fim! Veja as dez melhores capas da Rolling Stone brasileira

 Na entrevista, Shawn Mendes relembrou que no ano passado ele estava lendo comentários do Youtube sobre sua sexualidade. “Eu pensei: 'vocês, caras, são tão sortudos que eu não sou gay e tem medo de sair'. Isso é algo que mata as pessoas. É assim que é sensível. Você gosta das músicas? Você gosta de mim? Quem se importa se eu sou gay?”, disparou o cantor.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.