Tamanho do texto

Escolha foi anunciada no princípio da tarde desta terça-feira (11) em São Paulo. Indicações à 91ª edição do Oscar serão conhecidas em 22 de janeiro

"O Grande Circo Místico", de Cacá Diegues, é o filme brasileiro para tentar o Oscar em 2019 na categoria de melhor filme estrangeiro. O anúncio foi feito em coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira (11) em São Paulo.

Leia também: Bancas de jornal se reinventam para evitar extinção

Bruna Linzemeyer em cena de 'O Grande Circo Místico
Divulgação
Bruna Linzemeyer em cena de 'O Grande Circo Místico", que vai representar o Brasil na briga pelo Oscar em 2019

A escolha do filme brasileiro para tentar o Oscar foi feita pela Academia Brasileira de Cinema que destacou um júri, formado por Lucy Barreto, Bárbara Paz, Flavio Ramos Tambellini, Jeferson De, Hsu Chien Hsin, Katia Adler, Claudia Da Natividade, Ricardo Domingos Pinto e Silva, Sylvia Regina Bahiense e Ligia Miranda Rachid, para a tarefa.

O filme de Cacá Diegues mostra a história de cinco gerações de uma mesma família que estiveram à frente do Grande Circo Knieps. O longa fez sua premiere internacional no Festival de Cannes em maio e foi exibido fora de competição como parte de uma homenagem do evento francês ao cineasta brasileiro. 

Jesuita Barbosa, Vincent Cassel, Mariana Ximenes, Bruna Lienzmeyer, Juliano Cazarré e Catherine Mouchet são destaques no elenco do filme. 

Leia também: Redenção das franquias e público feminino marcam lucrativo verão americano 2018

Brasil no Oscar

O cineasta Cacá Diegues nos bastidores de
Divulgação
O cineasta Cacá Diegues nos bastidores de "O Grande Circo Místico"

Eram 22 filmes na disputa pelo posto de representante brasileiro na briga por uma indicação ao Oscar de filme estrangeiro. Entre eles figuravam "O Animal Cordial", "As Boas Maneiras", "Canastra Suja", "Benzinho", "Ferrugem" e "Aos Teus Olhos". 

Em 2018, o longa brasileiro escolhido para representar o País na disputa foi "Bingo - O Rei das Manhas", estrelado por Vladimir Brichta e dirigido por Daniel Rezende.  A produção, no entanto, não ficou entre as finalistas ao prêmio da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, que acabou premiando o chileno "Uma Mulher Fantástica".

Diversos filmes brasileiros já foram indicados ao Oscar mas, na categoria de melhor filme estrangeiro, apenas quatro produções entraram na disputa: "O Pagador de Promessas" (1963), "O Quatrilho" (1996), "O Que é Isso Companheiro?" e "Central do Brasil" (1999).

Leia também: Provas de que "Xuxa e os Duendes" representa um marco na cultura pop brasileira

Até o momento, mais de 20 países já enviaram suas escolhas. Em dezembro, a Academia anunciará uma lista com os pré-finalistas, que geralmente varia entre 9 e 10 títulos. A lista final com os cinco indicados ao Oscar de melhor filme estrangeiro. A lista final com os cinco indicados ao Oscar de melhor filme estrangeiro será revelada no dia 22 de janeiro. A cerimônia de premiação será realizada no dia 24 de fevereiro, em Hollywood, Los Angeles. 

Agora é torcer pelo filme brasileiro para tentar o Oscar inédito para o País!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.