Tamanho do texto

Os produtores de “Lost”se pronunciaram depois que Evangeline Lilly confessou ter sido pressionada a fazer cenas seminua na série

Recentemente, Evangeline Lilly revelou que foi pressionada a gravar cenas da série  “Lost ” seminua. Após o depoimento polêmico da atriz, os produtores do seriado resolveram se manifestar e pedir desculpas para à intérprete de Kate Austen pelo conflito.

Leia também:Evangeline Lilly confessa que foi pressionada a gravar seminua em "Lost"

Evangeline Lilly
Divulgação
Evangeline Lilly

J.J. Abrams , Damon Lindelof, Carlton Cuse e Jack Bender, produtores de “Lost”, se pronunciaram por meio de um comunicado publicado pela revista People . No texto,  eles pedem desculpas à Evangeline Lill y e afirmam que se sentem arrependidos pelo desconforto causado.

Leia também:Bruna Linzmeyer posta foto de presente e gera polêmica na web

“A nossa resposta para os comentários de Evie na mídia foi de entrar em contato com ela imediatamente para pedir desculpas pela experiência que ela passou em Lost e detalhou na declaração. Ainda não conseguimos falar com ela, mas pedimos desculpas sinceras e profundas. Nenhuma pessoa deveria se sentir insegura no trabalho. Ponto”, escreveram.

Relembre a declaração de Evangeline Lilly

Evangeline Lilly em
Divulgação
Evangeline Lilly em "Lost"

A atriz que dava vida a personagem Kate Austin em “Lost” revelou que se sentiu desconfortável e que chorou ao ser pressionada com as gravações. "Na terceira temporada, eu tive uma má experiência, de basicamente ser pressionada para fazer uma cena em que estaria parcialmente nua, e eu senti que não tinha escolha naquele momento”, contou ela.

Leia também: Básico, "Homem-Formiga e a Vespa" é teste de popularidade para a Marvel

Lilly também relatou que tentou impedir que o fato desagradável acontecesse novamente em outras gravações e que foi muito difícil até conseguir colocar um fim na situação. "Na quarta temporada, veio outra cena de Kate tirando a roupa e eu lutei duramente para ter a cena sob meu controle, e eu falhei novamente. Então, eu disse: 'É isso, chega. Você pode escrever o que quiser, eu não vou fazer. Não vou tirar as roupas para está série novamente’. E não tirei”, explicou a atriz.

Evangeline Lilly atualmente pode ser vista nos cinemas em “Homem-Formiga e a Vespa” como uma das super-heroínas da Marvel, Hope Van Dyne, parceira de Scott Lang (Paul Rudd).