Tamanho do texto

Para comemorar a estreia do sexto filme da franquia, separamos cinco das melhores cenas que já passaram por toda a adrenalina de Tom Cruise; veja

O mais novo filme da fantástica franquia “Missão Impossível” já está nos cinemas brasileiros. Conhecido como uma das melhores produções de ação, tudo começou há mais de 20 anos, em 1996. Foi a partir daí que o astro Tom Cruise ganhou o coração do público como Ethan Hunt, um espião de uma agência secreta norte-americana.

Leia também: Pura adrenalina, "Missão: Impossível - Efeito Fallout" dá novo fôlego à série

Tom Cruise em cena de Missão: Impossível - Efeito Fallout
Divulgação
Tom Cruise em cena de Missão: Impossível - Efeito Fallout

O sucesso foi tanto que quatro anos depois a franquia ganhou o segundo filme e não parou mais até chegar a seu lançamento atual “ Missão: Impossível – Efeito Fallout ”. Pensando nisso, para comemorar a estreia do sexto filme da série separamos cinco das melhores cenas que já passaram por toda a adrenalina do astro Tom Cruise. Confira:

Leia também:Tom Cruise corre riscos em helicóptero em vídeo do novo "Missão Impossível"

1 – Assalto Langley – “Missão: Impossível” (1996)

Concentração. Muita concentração. Essa é a palavra que define a cena mais famosa da franquia “Missão Impossível”. A cena que é elaborada nos mínimos detalhes exige identificação de voz, alteração de códigos numéricos, cartão eletrônico duplo e uma varredura de retina, tudo isso e um pouco mais para chegar há um arquivo importante na sede da CIA. Sem contar a incrível parte em que Ethan Hunt faz tudo de ponta cabeça.

2- Invasão ao Vaticano – “Missão: Impossível 3” (2006)

Chegadas brilhantes e disfarces inacreditáveis são detalhes logísticos desta cena de “Missão: Impossível 3”. Ethan que começa o filme sem ser espião e trabalhando como treinador de novos agentes da IMF (Impossible Mission Force), volta as origens quando descobre que Lindsey (Keri Russell) foi sequestrada por Owen Davian , um traficante de armas.

Hunt embarca novamente em uma missão impossível para salvar a amiga e invade o Vaticano para tentar pegar o famoso negociante de armas durante um evento beneficiente. Mais uma vez, os efeitos e detalhes são surpreendentes.

3- Infiltração no Kremlin – “Missão: Impossível - Protocolo Fantasma” (2011)

Nesta cena é possível ver mais uma ideia brilhante de Hunt para recuperar um arquivo importante de uma sala. É claro que a localização altamente segura do arquivo torna ainda mais missão impossível e atraente. Usando um dispositivo que lembra uma tela de projeção, Hunt e Benji usam o objeto para se esconderem dos olhos do segurança do arquivo.

Bem planejada, a cena ainda consegue colocar humor em meio à tensão quando o rosto de Benji inesperadamente aparece na tela. A cena lembra, inclusive, o drama do assalto a Langley no primeiro “Missão Impossível”.

Leia também: Parabéns Tom Cruise! Listamos motivos que tornam o astro puro charme e sucesso

4- Subida do Burj Khalifa – “Missão: Impossível - Protocolo Fantasma” (2011)

O magnífico Burj Khalifa – arranha-céu de Dubai que fica a incríveis 2.722 pés de altura – é o incrível cenário para esta cena brilhante de “Missão: Impossível - Protocolo Fantasma”. Desta vez, Hunt resolve acessar o prédio pelo lado de fora, de uma forma nada segura e radical: escalando pelos vidros.

Nas imagens, Tom Cruise sobe 11 andares do lado de fora do maior arranha-céu já construído pelo ser humano, usando apenas um par de luvas de escalada, que falha no meio da subida, enfatizando ainda mais o suspense e todo o legado do ator no filme de ação.

5- Ópera de Viena – “Missão: Impossível - Nação Secreta” (2015)

Esta cena é uma das que mais se destacam no quinto filme da franquia. Desta vez, Hunt e Benji se aventuram ao tentar impedir o assassinato de um chefe de Estado. Além de conter toda a adrenalina tradicional do filme, a cena é marcada pelo som da orquestra que traz um ar poético com a música "Turandot" de Puccini em meio as lutas de Tom Cruise.

O espião mais famoso do cinema atravessa cordas e passarelas de sonoplastia no teatro deixando vivo o espirito de mais uma “M issão Impossível ”. Sem contar a sensualidade evidente que fica por conta de Rebecca Ferguson usando um lindo vestido amarelo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.