Tamanho do texto

Nos 12 dias do Festival de Cannes, 18 produções disputam a Palma de Ouro

A 70ª edição do Festival de Cinema de Cannes , um dos maiores eventos do cinema mundial, começa a partir desta quarta-feira (17), no sul da França , e promete reunir os principais filmes e artistas da sétima arte até o dia 28 de maio na cidade de Cannes.

Leia também: "URBANAS" discute empoderamento feminino sob a perspectiva da moda

Claudia Cardinale estampa pôster do 70º Festival de Cannes
Divulgação
Claudia Cardinale estampa pôster do 70º Festival de Cannes

Durante os 12 dias do Festival de Cinema de Cannes , além das 19 produções que disputam a Palma de Ouro, entre as quais destacam-se "O Enganado", de Sofia Coppola, "Wonderstruck", de Todd Haynes, e "Happy End", de Michael Haneke, outras 16 entrarão na seção "Um Certain Regard", como "Fortunata", filme de Sergio Castellitto, com Jasmine Trinca e Stefano Accorsi, e "Après la guerre", de Annarita Zambrano. Ao todo, 29 países serão representados em Cannes.
Ao contrário das outras edições, a Itália não terá nenhum filme concorrendo ao prêmio máximo. Já o Brasil concorrerá na série "Cinéfondation" com o curta-metragem "Vazio Do Lado de Fora", do cineasta Eduardo Brandão Pinto. O júri de curtas tem o diretor romeno Cristian Mungiu como seu presidente.

Por sua vez, a competição de longas terá o diretor espanhol Pedro Almodóvar na presidência e um júri composto pelos atores norte-americanos Jessica Chastain e Will Smith, o cineasta italiano Paolo Sorrentino, a alemã Maren Aden, as atrizes francesa Agnès Jaoui e a chinesa Fan Bingbing, o diretor sul-coreano Park Chan-wook e o compositor francês Gabriel Yared.
Neste ano, o filme de abertura do festival será Les Fantomes D'Ismael, de Arnaud Desplechin. Protagonizado por Mathieu Amalric, o longa narra a história de um cineasta que sofre pela morte da ex-esposa, mesmo recomeçando a vida com uma nova mulher. Entretanto, o fantasma da falecida reaparece. No elenco estão Marion Cotillard, Charlotte Gainsbourg e Louis Garrel.

Leia também: Cannes dá a largada em 70ª edição com protestos contra Netflix e temas políticos

Já entre as principais estrelas esperadas no tapete vermelho estão Vanessa Redgrave, Nicole Kidman, Jessica Chastain, Eva Longoria e Monica Bellucci, escolhida como madrinha desta edição. Julianne Moore também é um dos destaques, já que integra o elenco de "Wonderstruck", assim como Isabelle Huppert, que venceu duas vezes o prêmio de melhor atriz do Festival e agora concorre por sua atuação em "Happy End". Além disso, o evento reunirá astros como Joaquim Phoenix, Dustin Hoffman e Colin Farrell, entre outros atores, produtores, fotógrafos e escritores famosos. Nesta edição, que marca o aniversário de 70 anos de existência do festival cinematográfico criado por Jean Zay, uma das novidades é a presença de dois filmes financiados pela empresa norte-americana Netflix, que desatou protestos nas salas de cinema francesas, que não poderão exibí-los por causa da legislação, a não ser que a plataforma de streaming aceitasse adiar seu lançamento na internet em 36 meses.

Os dois longas que estão na disputa pela Palma de Ouro são " The Meyerovitz Stories", de Noah Baumbach, com Adam Sandler e Dustin Hoppman, e "Okja", do sul-coreano Bong Joon-Ho, com Tilda Swinton e Jake Gyllenhaal. A polêmica fez com que o Festival de Cannes anunciasse que a partir do próximo ano não irá permitir a disputa de filmes que não estrearem nas salas de cinema. Outra novidade é a apresentação do curta "Carne y Arena", do mexicano Alejandro González Iñarritu, em realidade virtual. O filme de seis minutos, baseado em casos reais, conta a intenção de explorar as condições humanas dos imigrantes e refugiados.

Algumas séries de TV também fazem parte da programação especial, sendo uma delas a nova temporada de "Twin Peaks", de David Lynch, sucesso dos anos 1990 e que terá dois episódios exibidos em Cannes. A segunda temporada de "Top of the Lake: China Girl", de Jane Campion e Ariel Kleiman; "24 Frames", de Abbas Kiarostami; e "Come Swim", que marca a estreia da atriz Kristen Stewart como diretora, também serão exibidas.

Monica Bellucci é a representante do 70º Festival de Cinema de Cannes
Divulgação/Site oficial/Cannes
Monica Bellucci é a representante do 70º Festival de Cinema de Cannes

Um dos eventos mais esperados e que reúne os principais famosos do Festival de Cannes 2017 acontecerá no dia 25 de maio, no "Hôtel du Cap-Eden-Roc", quando ocorre a tradicional festa para levantar fundos para a luta no combate contra a AIDS.

Entretanto, paralelamente acontece a Semana da Crítica do Festival de Cannes , que neste ano será aberta, pela primeira vez na história do evento, com um filme italiano. O longa escolhido é o suspense sobrenatural "Sicilian Ghost Story", dirigido pelos italianos Fabrio Grassadonia e Antonio Piazza.

O filme narra a história de uma menina que se rebela contra o silêncio de uma aldeia depois que seu amor, um garoto de 13 anos, desaparece. A Semana da Crítica é uma mostra paralela ao Festival de Cannes e conta com 11 longas e 13 curtas participantes, e ocorre até o dia 26 de maio.

Leia também: Muito além de "13 Reasons Why": 30 produções sobre transtornos mentais

Por sua vez, o presidente do festival, Pierre Lescure, destacou que o evento será "um respiro para falar somente sobre cinema", em um período marcado pelas eleições presidenciais francesas. E ainda assegurou, junto com os organizadores, que o Festival de Cannes 2017 será marcado pelo reforço na segurança, já que a França foi alvo de vários atentados terroristas nos últimos anos.

Filmes que concorrem à Palma de Ouro

Ao total, 18 produções de diversas nacionalidades concorrem ao grande prêmio deste tradicional festival de cinema. São elas:

• “Loveless”, de Andrey Zvyagintsev;
• “Good Time”, de Benny Safdie e Josh Safdie;
• “You were never really Here”, de Lynne Ramsay;
• “L’Amant double”, de François Ozon
• “Jupiter’s Moon”, de Kornél Mandruczo;
• “A gentle creature”, de Sergei Loznitsa;
• “The Killing of a sacred deer”, de Yorgos Lanthimos;
• “Radiance”, de Naomi Kawase;
• “Le jour d’après”, de Hong Sangsoo;
• “Le Redoutable”, de Michel Hazanavicius; 
• “Wonderstruck”, de Todd Haynes;
• “Happy end”, de Michael Haneke;
• “Rodin”, de Jacques Doillon;
• “O estranho que nós amamos”, da americana Sofia Coppola;
• “120 battements par minute”, de Robin Campillo;
• “Okja”, de Bong Joon-Ho;
• “In the Fade”, de Fatih Akin;
• “The Meyerowitz stories”, de Noah Baumbach.

O prêmio Palma de Ouro, do 70º Festival de Cinema de Cannes 2017 será entregue no dia 28 de maio deste ano, na cidade de Cannes, no sul França.

* com informações de ANSA

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.