Bárbara Heck
Reprodução/Instagram
Bárbara Heck


No olho do furacão devido às notícias de que Cauã Reymond teria chamado a polícia para acabar com uma festa em que ela estava na noite de sábado (7), comemoração feita no mesmo condomínio em que o galã da Globo mora, na zona oeste do Rio de Janeiro, Bárbara Heck deixou uma série de recados para "aquele exército invisível que dissemina ódio na internet".

Primeiro, a  modelo e influenciadora digital gaúcha, que foi a quarta eliminada do "Big Brother Brasil 22'', despertou a atenção do público para um erro crasso de português. "Galera, vamos combinar uma coisinha que já venho notando, quando forem 'tacar hate', lembrem que rejeitada é com j, tá?", pontuou, aos risos, evidenciando que aquilo já estava "dando agonia".


Depois, recorrendo a um comentário recebido no privado, ilustrou um gesto de incoerência: "'Sua voz é insuportável', disse a pessoa após assistir a todos os meus stories, falando sem pular nenhum". Por último, aconselhou: "Bora colocar emoção nesta vida para não ter que ficar cuidando da dos outros?".




    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários